Inglês Aecus

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Pai que matou a filha em SP por causa de herança vai cumprir prisão temporária

14 de Fevereiro de 2017
O homem acusado de ter matado a própria filha, Maíra Cintra Soares, de 30 anos, na última sexta-feira (10), foi transferido para o 77º Distrito Policial, da Santa Cecília, onde irá cumprir a prisão temporária de 30 dias. Frederico Carneiro Soares se entregou no 89º DP, Portal do Morumbi, no fim da manhã dessa segunda-feira (13). A Polícia Civil quer agora transformar a prisão temporária de 30 dias em prisão preventiva. E para isso, busca mais provas. Uma delas seria o laudo do IML (Instituto Médico Legal), que irá comprovar que as balas retiradas do corpo da vítima saíram mesmo da arma apreendida. A namorada de Frederico, que estava junto na hora do crime, prestou depoimento como testemunha. De acordo com a Polícia, ela disse que tinha sido convidada para jantar e que ele falou que tinha que passar na casa para pegar umas coisas, porém alegou que não sabia que ele guardava uma arma. A mulher e o pai já se desentendiam há muito tempo. E por causa das ameaças constantes, ela conseguiu uma medida protetiva que o impedia de chegar perto dela. A briga era por causa de herança. A casa teria sido deixada pela mãe, que morreu quando ela e o irmão ainda eram crianças. Maíra cuidava dos quatros filhos e do irmão trabalhando como diarista e vendedora.

Fonte: R7 Notícias

2 comentários:

  1. Aí meu Deus estou com medo...passando por um caso parecido...minha mae separou do meu pai...e teve o direito d ficar com a casa, entao eu ajudei ela em tudo ...prestei um b.o , contra ele pq me marcou...Deus me proteja😢

    ResponderExcluir
  2. Aí meu Deus estou com medo...passando por um caso parecido...minha mae separou do meu pai...e teve o direito d ficar com a casa, entao eu ajudei ela em tudo ...prestei um b.o , contra ele pq me marcou...Deus me proteja😢

    ResponderExcluir