Petrocar Transportes

Petrocar Transportes

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

Passando a limpo a história sobre o livro de Claudia Leitte

21 de Fevereiro de 2016
A notícia que Claudia Leitte teria conseguido apoio do governo através da Lei Rouanet apareceu no Facebook no dia 17 de fevereiro de 2016 e afirma que a cantora teria conseguido o aval do Ministério da Cultura para a liberação da quantia para a publicação de um livro contando a história da carreira da moça. O assunto rendeu muito no dia 17, quando publicações de pessoas questionando o alto valor liberado pelo governo à cantora para a simples publicação de um livro tiveram milhares de compartilhamentos. Tudo isso aconteceu, porém... Conforme apurado pelo jornal O Estado de São Paulo, o projeto para o livro institucional da cantora Claudia Leitte foi aprovado pelo Ministério da Cultura em 2014, por intermédio da Lei Rouanet, mas a Produtora Ciel – responsável pela carreira da cantora – abortou o projeto em 2015. O financiamento iria ser usado na impressão de 2 mil exemplares de uma biografia de Claudia Leitte, com fotos, entrevistas e partituras de músicas da cantora, mas o projeto foi cancelado pois, de acordo com representantes da empresa, as pessoas que estavam encabeçando o projeto não trabalham mais lá. Segundo a Lei Rouanet, o aval do governo autoriza o artista a captar recursos de empresas privadas e os recursos, quando não captados, são arquivados pelo Ministério da Cultura! 

O Ministro se Pronuncia
Talvez para “se sair bem na foto”, ou “cheio de boas intenções”, o ministro da Cultura, Juca Ferreira, disse em entrevista à Revista Fórum no dia 18 de fevereiro de 2016, que irá vetar o uso da Lei Rouanet para o que seria futuro livro da cantora Claudia Leitte. Juca explicou ao blog que o veto é uma demonstração de como a Lei Rouanet precisa ser discutida pela sociedade. O veto, se ocorrer mesmo, não fará muita diferença para a cantora, uma vez que a Ciel já disse ter abandonado o projeto! 

Conclusão
A empresa que administra a carreira da cantora Claudia Leitte conseguiu autorização do governo para captar R$355.957,00 de empresas privadas, em 2014, para a publicação de uma biografia da artista, mas o projeto foi abortado em 2015!

Fonte: Blog do Geraldo José

Nenhum comentário:

Postar um comentário