Petrocar Transportes

Petrocar Transportes

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Apresentada operação de segurança para o Carnaval da Bahia 2016

27 de Janeiro de 2016
Com a presença do governador Rui Costa e demais autoridades, foi apresentada, nesta quarta-feira (27), no Hotel Fiesta, em Salvador, a operação de segurança para o Carnaval da Bahia 2016. A festa contará com aproximadamente 26 mil servidores do Corpo de Bombeiros, das polícias Civil e Militar e Departamento de Polícia Técnica (DPT), que vão atuar de forma integrada para garantir a segurança dos foliões, entre os dias 03 e 09 de fevereiro, na capital baiana e em mais 30 cidades do interior. "Quero reconhecer, dar os parabéns pelo empenho e profissionalismo dos trabalhadores da segurança pública, que, no ano passado, eleitos pela população, ganharam o troféu Dodô e Osmar como o melhor serviço público do Carnaval de Salvador. Não espero um resultado diferente este ano. Aliás, acredito que o trabalho dos bombeiros, policiais militares e dos policiais civis pode ser ainda melhor", destacou o governador durante o lançamento. Para este ano, um investimento de R$ 42,9 milhões será destinado ao pagamento de horas extras, montagem de postos policiais, além de uso de tecnologia, alimentação, entre outros itens. O esquema de segurança terá o apoio operacional de viaturas (carros, motos e caminhões), cavalos, além de dois helicópteros e dois aviões do Grupamento Aéreo da PM (Graer), responsável por apoiar as ações de policiamento ostensivo e prestar socorro em casos de urgência. Rui Costa destacou que dois terços do valor aplicado este ano para a segurança pública é para o pagamento de pessoal. “O investimento que estamos fazendo este ano é de R$ 42 milhões, só em segurança pública. Portanto, um crescimento em relação ao ano passado, que foi de R$ 36 milhões. Este aumento se deve, primeiramente ao reajuste que foi feito aos profissionais. Segundo, no pequeno aumento do contingente de policiais em todo o estado. Terceiro, pelo número de equipamentos que está sendo utilizado, que é maior que no ano passado”. Dentre as ações apresentadas no encontro, está a revista promovida nos acessos à festa, através de 48 portais de segurança, onde os foliões serão inspecionados por detectores de metal e poderão passar por uma pesquisa no banco de dados criminal. A iniciativa tem o objetivo de impedir a entrada de armas nos circuitos da festa, e de viabilizar que indivíduos com pendências judiciais sejam detidos. A festa na capital baiana ainda contará com a Ronda Maria da Penha, que atuará em patrulhas, com especial atenção às ocorrências de violência contra a mulher. Conforme o secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa, há a recomendação de que as ações sejam realizadas de forma integrada para garantir o cumprimento das metas para o Carnaval. “O trabalho de integração, na verdade, é o grande marco da segurança pública. Apesar da visualização primária ser em cima da patrulha da Polícia Militar, há toda uma preparação prévia, seja o trabalho de investigação e infiltração feito pela Polícia Civil, um trabalho prévio de inteligência feito nas redes sociais, para identificar os grupos que possivelmente podem atuar ou se rivalizar dentro dos circuitos. Nossa tentativa é de justamente se antecipar a isto”. Participaram do evento os comandantes do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar, coronéis Francisco Telles e Anselmo Brandão, respectivamente. Também estiveram presentes a delegada titular do Departamento de Polícia Metropolitana, Fernanda Porfírio; o superintendente da Bahiatursa, Diogo Medrado; a diretora do Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI), Arany Santana; e os secretários estaduais Jorge Portugal (Cultura), Geraldo Reis (Justiça e Direitos Humanos), Olívia Santana (Políticas para as Mulheres), Nelson Pelegrino (Turismo) e Bruno Dauster (Casa Civil). 
Secom Bahia/Foto: Mateus Pereira/GOV-BA

Fonte: Blog Diniz K-9

Nenhum comentário:

Postar um comentário