Petrocar Transportes

Petrocar Transportes

sábado, 7 de novembro de 2015

Comunidade do Quati I, em Petrolina, sai às ruas pedindo justiça contra assassino de jovem estudante

06 de Novembro de 2015
Reziele Alves de Almeida, de 50 anos - Acusado
Uma mobilização de moradores do Bairro Quati I, na zona oeste de Petrolina, saiu às ruas do bairro na manhã desta sexta-feira (06) clamando por justiça contra o assassino do estudante Alisson Nunes, de 19 anos. Ele foi morto barbaramente, a golpes de facão, desferidos por Reziele Alves de Almeida, de 50 anos. Segundo informações do repórter Marco Aurélio, da Rádio Jornal, o ato público reuniu cerca de 300 pessoas – entre amigos, familiares e professores da escola onde o garoto estudava. Bastante emocionada, a mãe de Alisson ainda está perplexa com tamanha brutalidade do crime. O rapaz, considerado tranquilo e de boa índole, teria sido morto pelo acusado porque este desconfiou que ele estaria se utilizando, de forma indevida, da rede sem fio (wi fi) para navegar na internet. O fato aconteceu na última sexta-feira (30/10). Alisson, que teve a mão decepada por um dos golpes, chegou a ser internado no Hospital Universitário, mas veio a óbito na última terça-feira (03). Com faixas e cartazes, os manifestantes percorreram algumas ruas da comunidade, pedindo punição ao assassino (que já havia tentado, inclusive, outro homicídio no bairro). A esposa de Reziele, a qual também vivia com medo por causa do comportamento do marido, deixou a residência do casal, que foi saqueada e destruída parcialmente por algumas pessoas. 
Fotos: Marco Aurélio

Fonte: Blog do Carlos Britto

Nenhum comentário:

Postar um comentário