quarta-feira, 24 de abril de 2019

Menores de 5 anos devem passar no máximo uma hora por dia diante de telas, diz OMS

24 de abril de 2019
A Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou nesta terça-feira (24) um novo guia de saúde infantil sobre comportamentos sedentários e qualidade do sono. Segundo a OMS, menores de cinco anos não devem passar mais de uma hora por dia diante de telas. Além disso, a OMS recomenda que as crianças não passem mais de uma hora por vez sentados em carrinhos de bebês, cadeirinhas ou andadores. As horas de sono também devem ser observadas. "Melhorar a atividade física, reduzir o tempo de sedentarismo e garantir o sono de qualidade em crianças pequenas melhorará sua saúde física, mental e de bem-estar e ajudará a prevenir a obesidade infantil e doenças associadas mais tarde", diz Fiona Bull, gerente de programas de vigilância e população na OMS. “O que realmente precisamos fazer é trazer de volta o brincar para as crianças. Trata-se de fazer a mudança do tempo de sedentarismo para o tempo de brincadeira, protegendo o sono”, diz Juana Willumsen, especialista da OMS para obesidade infantil e atividade física. A organização chegou às recomendações depois de um painel com especialistas avaliar diversos estudos. 

Veja abaixo as recomendações: 

Crianças até um ano: 
*Atividades físicas várias vezes ao dia de várias maneiras, particularmente através de jogos interativos no chão. Para aqueles que ainda não sentam ou andam, isso inclui pelo menos 30 minutos em posição de bruços ao longo do dia enquanto acordados. 
*Não deve ser contido por mais de uma hora por vez (por exemplo, carrinhos de bebê, cadeiras altas ou amarrados nas costas de um cuidador). 
*O tempo de tela não é recomendado.
*Ter 14 a 17 horas (0 a 3 meses de idade) ou 12 a 16 horas (4 a 11 meses de idade) de sono de boa qualidade, incluindo cochilos. 

Crianças de 1 a 2 anos: 
*Passar pelo menos 180 minutos em uma variedade de tipos de atividades físicas em qualquer intensidade, incluindo atividade física de intensidade moderada a vigorosa, distribuída ao longo do dia. Quanto mais melhor. 
*Não ficar contido por mais de uma hora por vez (por exemplo, carrinhos de bebê, cadeiras altas ou amarrado nas costas de um cuidador) ou sentado por longos períodos de tempo. 
*Para crianças de um ano de idade, o tempo de tela sedentário (como assistir TV ou vídeos, jogar jogos de computador) não é recomendado. 
*Para aqueles com 2 anos de idade, o tempo de tela sedentário não deve ser superior a 1 hora; menos é melhor. 
*Ter de 11 a 14 horas de sono de boa qualidade, incluindo sonecas, com períodos regulares de sono e despertar. 

Crianças de 3 a 4 anos:
*Passar pelo menos 180 minutos em uma variedade de tipos de atividades físicas em qualquer intensidade, das quais pelo menos 60 minutos são atividades físicas de intensidade moderada a vigorosa, espalhadas ao longo do dia; mais é melhor. 
*Não ficar contido por mais de uma hora por vez (por exemplo, carrinhos de bebê, cadeiras altas ou amarrado nas costas de um cuidador) ou sentado por longos períodos de tempo. 
*O tempo de tela não deve exceder uma hora; menos é melhor. 
*Ter de 10 a 13 horas de sono de boa qualidade, que podem incluir um cochilo, com períodos regulares de sono e de despertar.

Fonte: G1/Bem Estar

Projeto de extensão da Univasf inscreve para aulas de canoagem voltadas a pessoas com deficiência

24 de abril de 2019
O projeto de extensão de paracanoagem da Univasf, em parceria com o IATE Clube de Petrolina e a Arca Sport, abriu inscrições para aulas de canoagem voltadas a pessoas com deficiência física e/ou motora. As matrículas seguem até o dia 6 de maio na Secretaria do Iate Clube ou no Colegiado de Educação Física da Univasf, em Petrolina. Quem preferir pode se inscrever no site do Grupo de Estudo e Pesquisa em Atividade Física Adaptada (GEPAFA). Todas as aulas serão desenvolvidas no Iate Clube de Petrolina nas terças e quintas-feiras, nos turnos manhã e tarde. Os alunos serão acompanhados por professores de educação física, fisioterapeutas e estudantes do curso de Educação Física da Univasf. 

Fonte: Blog Alvinho Patriota

Operação da Polícia Civil em Petrolina prende colombianos envolvidos com agiotagem e lavagem de dinheiro

24 de abril de 2019
A equipe de investigações da 214ª Delegacia de Polícia Civil (PC), em Petrolina, coordenada pelos delegados Daniel Moreira e Gregório Ribeiro, deflagrou nesta terça-feira (24) a Operação “Medellin”. O objetivo foi reprimir uma associação criminosa formada por integrantes de origem colombiana, voltada para a prática de agiotagem e lavagem de dinheiro. Após cumprimento de mandados de busca e apreensão expedidos pelo Juizado da 2ª Vara Crime da Comarca de Petrolina, foram presas em flagrante três pessoas. Com os detidos foram encontrados cerca de R$ 8 mil e 400 dólares, além de centenas de cartões de visitas voltados para a prática de empréstimo com pagamento diário a cerca de 20% de juros, além de vários cadernos de anotação onde constam centenas de transações realizadas pela associação. A polícia descobriu ainda que a associação possui atuação interestadual, atuando nas cidades de Petrolina, em Pernambuco; e Juazeiro, Remanso, Casa nova e Sobradinho, na Bahia, possuindo mais de 600 clientes, inicialmente contabilizados. Ao serem interrogados os envolvidos confessaram fazer parte da associação. Os detidos são Wbeimar Guillermo Zuluga Castano (o ‘Francisco’), Leon Ospina (o ‘Diego’) e Jader Andres Montoya. Durante o interrogatório, Wbeimar foi identificado como líder da associação. Todos serão encaminhados à audiência de Custódia do plantão judiciário de Petrolina, onde ficarão à disposição da justiça. A ação fez parte da Operação PC 27, deflagrada simultaneamente em todo o país nesta terça.
Foto: 214ª DP/Divulgação

Fonte: Blog do Carlos Britto

Após menino morrer engasgado com pirulito, Samu de Petrolina orienta sobre o que fazer nesses casos

24 de abril de 2019
Nilton Leite, socorrista do Samu de Petrolina. (Foto: Divulgação)
A morte de um menino de três anos na segunda-feira (22) por engasgo chamou a atenção da população de Petrolina. O caso aconteceu no Bairro Rio Corrente, zona oeste da cidade. Segundo os familiares, João Miguel Ribeiro estava chupando um pirulito quando se engasgou. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado ao local para socorrer o menino, mas como a ambulância estava demorando a chegar, o tio da criança optou por levar o garoto por conta própria ao prédio do Samu. O menino chegou ao hospital em parada cardiorrespiratória. O médico realizou os procedimentos cabíveis para tentar socorrer a criança, mas João Miguel já estava morto. Passar por situações de engasgo é comum, mas nem todo mundo sabe o que fazer quando isso acontece. Diante da repercussão desse caso, o socorrista do Samu de Petrolina, Nilton Leite, orienta sobre as medidas a serem adotadas quando esse incidente ocorrer. Em termos de anatomia, o engasgo é um problema que atinge a epiglote, válvula responsável pelo fechamento da traqueia, que direciona o alimento para o esôfago. Quando um alimento ou líquido bloqueia a passagem de ar, o engasgo acontece. Nesses casos, caso a vítima não consiga desengasgar sozinha, sendo necessário receber socorro imediatamente, segundo o socorrista do Samu. “Em casos de engasgo, a vítima deve ser socorrida imediatamente, para poder reverter o quadro da maneira mais rápida possível, e assim evitar que o cérebro fique muito tempo sem receber oxigênio. Por isso, se o problema não conseguir ser solucionado, o Samu pode ser acionado por meio do telefone 192, para que sejam repassadas orientações de como se proceder com a vítima“, explicou Nilton. 

Repasse de informações 
Quando o Samu é acionado, as primeiras informações passadas pela pessoa que está ligando são essenciais. Isso irá auxiliar o médico regulador na orientação sobre os primeiros socorros e qual procedimento deve ser adotado, antes da chegada da ambulância. Existem dois tipos de técnicas que os socorristas do Samu orientam a população a fazer em situações de engasgo, sendo uma específica para recém-nascidos e outra para as demais faixas etárias, a partir de 1 ano. “Quando um bebê se engasga, geralmente com leite após a amamentação, devemos desobstruir as vias aéreas. Para isso é necessário colocar o peito do bebê repousado em uma mão um pouco inclinada; com a outra mão é necessário bater nas costas do bebê até o alimento ser expelido“, explicou. Outra técnica recomendada para as demais faixas etárias é conhecida como ‘manobra de Heimlich’, pela qual uma pessoa deve abraçar por trás a vítima engasgada. “Além disso , é necessário apertar com as mãos na altura do abdômen, de baixo para cima, fazendo pressão no diafragma, para que haja a liberação das vias aéreas, expulsando o alimento ou objeto que esteja bloqueando a passagem do ar“, esclareceu Nilton. 

Primeiros socorros
Para ensinar a população sobre o que fazer em casos de alguns incidentes, a exemplo de engasgos, o Samu de Petrolina promove diversas atividades educativas, como o “Amigos do Samu”, que leva orientações de primeiros socorros a alunos de escolas municipais, além de treinamentos e palestras em locais públicos.

Fonte: Blog do Carlos Britto

Lava Jato: Juiz dá 8 dias para Lula recorrer de condenação no caso do sítio em Atibaia

24 de abril de 2019
O juiz Luiz Antônio Bonat, responsável pelos processos da Lava Jato na primeira instância, deu um prazo de oito dias para as defesas de ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e de outros 12 réus no caso do sítio Santa Bárbara, em Atibaia (SP), recorrerem da condenação. O processo apura se Lula recebeu propina por meio de reformas no imóvel. Depois disso, o processo seguirá para a segunda instância no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), onde as apelações das defesas e do Ministério Público Federal (MPF) serão analisadas por desembargadores. Em 9 de abril, os procuradores apresentaram o recurso de apelação no qual pediram que a pena de Lula e de outros condenados seja aumentada. Em fevereiro, o ex-presidente havia sido condenado a 12 anos e 11 meses por corrupção e lavagem de dinheiro na primeira instância, em sentença proferida pela juíza substituta Gabriela Hardt. Essa condenação só passa a contar para cumprimento de pena caso seja confirmada no TRF-4. 

Redução de pena no caso do triplex
Nesta terça-feira (23), a Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu manter a condenação, mas reduzir a pena imposta ao ex-presidente em outro caso, o caso do triplex no Guarujá. O relator, Felix Fischer, e os ministros Jorge Mussi, Reynaldo Soares da Fonseca, presidente da turma, e Marcelo Navarro concordaram em reduzir para 8 anos, 10 meses e 20 dias de reclusão a pena de 12 anos e 1 mês por corrupção passiva e lavagem de dinheiro imposta também pelo TRF-4. Lula foi preso em abril do ano passado e levado a Curitiba, onde cumpre pena em regime fechado na Superintendência da Polícia Federal. Com a decisão da Quinta Turma do STJ, o ex-presidente terá de cumprir 17 meses para reivindicar a transferência para o semiaberto, regime pelo qual é possível deixar a cadeia durante o dia para trabalhar. Como Lula já cumpriu cerca de 13 meses, faltariam quatro meses. O que pode mudar esse cenário justamente o processo do sítio em Atibaia. Se a condenação for mantida na segunda instância, o ex-presidente pode ser mantido em regime fechado – o tempo adicional seria determinado em eventual sentença do TRF-4. 

Processo do sítio em Atibaia
De acordo com o MPF, Lula recebeu propina do Grupo Schahin, de José Carlos Bumlai, e das empreiteiras OAS a Odebrecht por meio da reforma e decoração no sítio Santa Bárbara, que o ex-presidente frequentava com a família. Outras 12 pessoas foram condenadas no processo. O MPF afirma que a Odebrecht e a OAS custearam R$ 870 mil em reformas na propriedade. Já a Schahin fez o repasse de propina ao ex-presidente no valor de R$ 150 mil por intermédio de Bumlai, ainda conforme o MPF. Entre os outros 12 condenados na ação, estão Marcelo Odebrecht, ex-presidente da Odebrecht, José Adelmário Pinheiro (Léo Pinheiro), ex-presidente da OAS e Fernando Bittar, empresário e sócio de um dos filhos de Lula. 

Dono do sítio pediu à Justiça para vender propriedade
Nesta segunda-feira (22), o dono formal do sítio Santa Bárbara, o empresário Fernando Bittar, pediu autorização da Justiça Federal para vender a propriedade, que teve reformas investigadas na Operação Lava Jato. O imóvel foi sequestrado pelo Registro de Imóveis de Atibaia, em fevereiro de 2019. Bittar foi condenado a 3 anos por lavagem de dinheiro (e absolvido de outros dois crimes) na ação. O sequestro do imóvel foi efetivado em 22 de fevereiro, segundo informou o Registro de Imóveis de Atibaia. Na petição, a defesa do empresário alega que a venda de imóveis por meio de leilão judicial, conforme determinado em sentença, "tende a resultar em significante deságio [depreciação do valor], o que prejudica não só o peticionário, como os próprios interesses da Justiça". Os advogados justificam que, caso o imóvel seja submetido a uma segunda tentativa de venda por leilão, o valor para arrematá-lo seria até 50% menor que a avaliação. No documento, a defesa também solicita a indicação de conta judicial para o depósito do valor. A defesa diz que um dos motivos para a venda é que Bittar não frequenta mais o sítio. O eventual leilão poderá ocorrer após o trânsito em julgado do processo ou pelo menos da confirmação em segunda instância, segundo a defesa. A Justiça Federal ainda deve decidir quando a propriedade pode ir a leilão, mas determinou o sequestro independentemente do trânsito em julgado da ação.

Fonte: G1

Fórum promovido pela Prefeitura de Petrolina discutiu garantia dos direitos dos animais

24 de abril de 2019
Em alusão à campanha ‘Abril Laranja’ de combate à crueldade animal, a Prefeitura de Petrolina, através do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), promoveu, na noite dessa terça-feira (23), o 1° Fórum de Políticas Públicas de Bem-estar Animal. O evento que aconteceu no auditório do SEST- SENAT reuniu médicos veterinários, professores, estudantes de Medicina Veterinária, representantes de ONG’s e protetores independentes, todos com um único objetivo: discutir sobre o papel da sociedade e do poder público na garantia dos direitos dos animais. O Fórum contou com a palestra inicial do médico veterinário e professor Dr. João Alves, da Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF) que discorreu sobre os aspectos legais e éticos na guarda responsável de animais. “É um assunto complexo, porque, a falta de responsabilidade de muitos tutores, a ausência de planejamento em longo prazo ao adotar ou comprar um animal, causa a situação de abandono, que resulta a superpopulação de animais nas ruas, que implica no aumento das zoonoses, gerando perigos à saúde pública. Tudo isso pode ser resolvido se a sociedade criar consciência de que animais precisam de muitos cuidados; não adianta jogar a responsabilidade somente para o poder público”, esclareceu o professor. A coordenadora do curso de Medicina Veterinária da UNIVASF, Prof. Dra. Adriana Gradela também ministrou uma palestra bastante esclarecedora sobre os cuidados com equídeos (a exemplo de cavalos, jumentos, asnos) que são utilizados como animais de tração em carroças. O último palestrante da noite, médico veterinário e professor Dr. Marcelo Domingues de Faria, falou sobre Experimentação e bem-estar animal, destacando a garantia de utilização de métodos sem crueldade aos animais utilizados em laboratórios. Após as conversas, a mesa redonda, mediada pela médica veterinária e coordenadora do CCZ, Graziella Correia, reuniu discussões sobre os avanços e retrocessos na área, as melhorias e o que ainda pode e deve ser feito pelos animais de Petrolina. "Demos um passo importante com a criação, por exemplo, do Conselho Municipal de Proteção e Defesa dos Animais (CMPDA). Apesar dos avanços, precisamos intensificar, cada vez, mais esse diálogo para coibir os maus tratos que, infelizmente, ainda são recorrentes. Por isso, a ideia deste fórum, para que todos aqui se comprometam a lutar por aqueles que não têm voz”, frisou. 
Ascom PMP

Fonte: Blog Diniz K-9

Conta de luz vai ficar mais cara em Pernambuco a partir de 29 de abril

24 de abril de 2019

Os pernambucanos vão precisar preparar os bolsos. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou, nesta terça-feira (23), um reajuste médio de 5,04% nas tarifas de energia da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe). O aumento na conta já começa a valer a partir do dia 29 de abril e os consumidores devem sentir o reajuste de forma parcial na próxima fatura. Apenas a partir do mês de maio, a nova tarifa será aplicada de forma integral. A Celpe atende 3,7 milhões de unidades consumidoras em Pernambuco. O reajuste médio para os consumidores residenciais e comerciais atendidos em baixa tensão será de 5,56%. Para os consumidores industriais, atendidos em alta tensão, o reajuste médio será de 3,76%. A quitação antecipada do empréstimo feito em 2014 para ajudar as distribuidoras reduziu o reajuste previsto para a Celpe em 3,03%. Além disso, a bandeira tarifária contribuiu para reduzir em 4,5% o índice final do reajuste da Celpe. 
Imagem: Google

Fonte: OP9

Tecnologia inédita no município ajuda prefeitura a fazer mapeamento de vias que serão recapeadas em Petrolina

24 de abril de 2019
Um equipamento de tecnologia avançada vai ajudar a administração municipal no Programa ‘Petrolina Cresce’ – voltado à pavimentação, duplicação e recapeamento de vias na cidade. Trata-se do Falling Weigtht Deflectometer (FWD). O aparelho já está sendo utilizado na Avenida Marechal Hermes da Fonseca, conhecida como ‘Estrada da Banana’, e serve para simular o efeito da passagem de um veículo nas condições de tráfego reais. Com isso, é possível medir a deformação vertical que ocorre no pavimento e ter subsídios técnicos para avaliar as condições da estrutura da via, mesmo daquelas superfícies que estão sob o asfalto. Um computador processa os dados e estes servem de base para a análise estrutural em projetos de pavimento, a fim de obter informações sobre a condição do pavimento, identificação de camadas com problemas estruturais, cálculo das propriedades elásticas das camadas (módulo de resiliência), vida remanescente do pavimento existente, além da análise dos módulos de subleito, sub-base, base e revestimento. O aparelho é montado em um reboque e puxado por um veículo que percorre a via desejada. No conjunto, ficam instalados todos os sistemas de comando, o computador e a central de processamento. O FWD permite que seja realizado o diagnóstico geral da qualidade do pavimento, o controle de qualidade de execução de camadas de pavimentação, além de projeto de restauração de pavimento e sistemas de gerência de pavimentos em nível de rede. Toda a tecnologia utilizada foi desenvolvida na Dinamarca e aperfeiçoada nos Estados Unidos. O secretário de Infraestrutura, Mobilidade e Serviços Públicos, Fred Machado, comemorou o uso dessa tecnologia pela primeira vez em Petrolina. “O FWD é um equipamento muito utilizado em grandes obras rodoviárias no Brasil e no mundo. Graças à visão de gestão moderna e antenada às tendências do prefeito Miguel Coelho, nós contratamos esse serviço para o município e agora vamos poder utilizar essa tecnologia em grandes obras de recapeamento e duplicação de vias, como a que vamos fazer na Estrada da Banana“, destacou. 

Recapeamento
Com investimento de quase R$ 18 milhões, a Prefeitura de Petrolina vai recapear importantes vias da cidade: Avenidas Cardoso de Sá, da Integração, Clementino Coelho, Nilo Coelho, das Nações, Simão Durando, José Theodomiro de Araújo (Orla II), a principal da Cohab IV, além da Rua do Trabalho. O serviço de recuperação de meio-fio em alguns desses locais já começou. A aplicação do novo asfalto está prevista para começar ainda essa semana, pela Avenida das Nações. Além disso, ainda haverá a duplicação da Estrada da Banana.
Foto: Jonas Santos-PMP/Divulgação

Fonte: Blog do Carlos Britto

Para o Senador FBC, Medida Provisória da Reforma Administrativa tem apoio de setores da sociedade

24 de abril de 2019
O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) afirmou nessa terça-feira (23) que a reforma administrativa proposta pelo presidente Jair Bolsonaro pode sofrer ajustes, mas conta com o apoio da sociedade brasileira, que “assistiu ao inchamento da máquina pública”. Relator da Medida Provisória 870, que reorganiza a estrutura do governo federal, ele acrescentou que o presidente da República tem legitimidade para propor mudanças no governo. “Essa reforma administrativa, não se iludam, tem ampla repercussão e apoio em diversos segmentos da sociedade brasileira, que assistiu ao inchamento da máquina pública. A MP reduziu o número de ministérios e o tamanho do Estado e, ninguém haverá de negar, busca enxugar a estrutura administrativa do governo federal”, ressaltou o senador. Para Fernando Bezerra Coelho, que é líder do governo no Senado, a reforma administrativa pode sofrer alterações, que já estão em discussão dentro do governo. “Como toda reforma administrativa, ela nunca se encerra, é permanente. Algo que se imaginou ser adequado já não é assim tão claro. Mudanças de atribuições e competências, já existem até manifestações do próprio governo para propor e fazer esses ajustes.” 

Audiências públicas
A Comissão Mista da MP 870 realizou nesta terça-feira as primeiras audiências públicas sobre a nova estrutura do governo federal. Representante da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil, Luiz Eloy alertou que a MP provoca “profundas inquietações” no movimento indígena, que ele resumiu em três: transferência da competência pela demarcação de terras indígenas da Funai para o Ministério da Agricultura; transferência da Funai do Ministério da Justiça para o Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos; e licenciamento ambiental que impacta a demarcação das terras indígenas. “O presidente da República tem autonomia, mas os direitos dos povos indígenas são inegociáveis. Como vai ser a demarcação no âmbito do Ministério da Agricultura? Como fica o princípio da imparcialidade?”, questionou. Já Givania Maria da Silva, do Conselho Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas (Conaq), explicou que, além de alterar a competência sobre a regularização das terras quilombolas, a reforma administrativa do governo federal acrescentou mais uma etapa a esses processos. “Precisamos aprofundar e, sem as paixões, olhar o que está sendo feito com os povos das comunidades tradicionais. É como entregar o que ainda tem de soberania e autonomia desses povos para o latifúndio.” De acordo com o deputado Afonso Florence (PT-BA), a MP 870 tem aspectos de natureza governamental, mas também propõe alterações inconstitucionais. “O direito à terra dos quilombolas, indígenas e agricultores familiares é um interesse público nacional. Nós estamos desmontando a capacidade do Estado mediar os conflitos de interesse público.” 

Meio ambiente
O representante do Instituto Socioambiental Maurício Guetta chamou a atenção para o Cadastro Ambiental Rural (CAR), que considera o principal mecanismo para a implementação Código Florestal. “O Ministério da Agricultura não tem autonomia e isenção. A sua própria missão institucional não guarda pertinência temática com o serviço florestal brasileiro”, avaliou. “Nos empenharemos para que algumas das colocações aqui feitas possam ser, na medida possível, aprimoradas, para que gente possa resguardar todo esse trabalho em defesa do meio ambiente, que já não é a luta de um determinado segmento da sociedade, mas de toda a nação brasileira”, disse o senador Fernando Bezerra Coelho. Já o representante da Aliança Nacional LGBT Michel Platini criticou o que chamou de retirada da população LGBT das políticas públicas do governo federal. “Isso tem um efeito pedagógico, porque reforça a violência. Não há clareza do setor do Ministério [da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos] que irá atuar na promoção dos direitos da população LGBT e da criação de mecanismos que coíbam a violência. Uma diretoria genérica, que não tem atribuições claras e definidas de defesa dos direitos da população LGBT”, observou. Para o senador Fernando Bezerra, o Brasil deve “brigar” por sua diversidade. “Esse é um país plural, aberto e democrático. Por isso, estamos ouvindo as sugestões trazidas nessas audiências. O relatório será construído a muitas mãos, para levar a voto apenas aquilo que não for consenso e não entrar no entendimento mais amplo.” 
Ascom Senador FBC

Fonte: Blog Diniz K-9

Univasf lança editais de concurso público para professor efetivo

24 de abril de 2019
A Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) lançou dois editais de concurso público para cargo efetivo da carreira do Magistério Superior. O edital nº 7/2019 oferta 14 vagas para cursos dos campi Sede, localizado em Petrolina (PE), Juazeiro (BA) e Salgueiro (PE). Já o edital nº 8/2019 disponibiliza 21 vagas que se dividem em 13 áreas de atuação para o Colegiado de Medicina do Campus da Univasf em Paulo Afonso (BA). As inscrições em ambas as seleções podem ser realizadas até às 18h do dia 3 de maio, pelo site de concursos da instituição. Poderão participar candidatos que tenham graduação, além de especialização ou titulação em nível de mestrado ou doutorado nas áreas exigidas nos itens 2 de cada edital. O valor da taxa de inscrição varia entre R$ 100,00 e R$ 200,00. As vagas são ofertadas para as classes Auxiliar, Assistente A e Adjunto A, com regime de trabalho de 20 horas, 40 horas ou Dedicação Exclusiva (DE). A seleção acontecerá em quatro fases: prova escrita e de aptidão didática (ambas de caráter eliminatório); prova de defesa e entrega do memorial, e prova de títulos (ambas de caráter classificatório). As provas escritas estão previstas para o dia 7 de junho, no caso do edital nº 7/2019; e 14 de junho, para o edital nº 8/2019. Os exames poderão ser realizados nos Campi Sede ou Juazeiro da Univasf. Os locais definitivos e os números das respectivas salas estarão disponíveis no site de concursos da Univasf a partir do dia 03 de junho. O quadro de remuneração, requisitos para participar e demais informações se encontram nos editais.

Fonte: Blog do Carlos Britto

Neymar é o quinto atleta mais bem pago do mundo, segundo Forbes

24 de abril de 2019
Neymar está no top cinco dos atletas mais bem pagos do mundo em 2019, entre todos os esportes. O craque do Paris Saint-Germain entrou na lista feita pela "Forbes", famosa revista estadunidense de negócios e economia, e aparece na quinta posição, com 80 milhões de euros (cerca de R$ 352 milhões).O camisa 10 da seleção é o único brasileiro na lista e está atrás do boxeador Floyd Mayweather, o primeiro colocado, o atacante Lionel Messi, o segundo, o atacante Cristiano Ronaldo, em terceiro, e do lutador de MMA Conor McGregor, em quarto. Com salário anual de 253 milhões de euros (cerca de R$ 1,113 bilhão). Mesmo com raras lutas no ano, a última delas contra McGregor, o campeão mundial ainda recebe milhões de remuneração. A diferença entre ele e Lionel Messi, do Barcelona, é imensa, visto que o argentino soma 98 milhões de euros anuais (cerca de R$ 431,3 milhões). 

Confira a lista do Top 10:
1º - Floyd Mayweather (boxeador): 253 milhões de euros 
2º - Lionel Messi (jogador de futebol): 98 milhões de euros 
3º - Cristiano Ronaldo (jogador de futebol): 96 milhões de euros 
4º - Conor McGregor (lutador de MMA): 88 milhões de euros 
5º - Neymar (jogador de futebol): 80 milhões de euros 
6º - LeBron James (jogador da NBA): 76 milhões de euros 
7º - Roger Federer (tenista): 68 milhões de euros 
8º - Stephen Curry (jogador da NBA): 68 milhões de euros
9º - Matt Ryan (jogador da NFL): 59 milhões de euros 
10º - Matthew Stafford (jogador da NFL): 53 milhões de euros.

Fonte: Agência O Globo/iBahia

sábado, 20 de abril de 2019

Valdiram, ex-atacante do Vasco, é encontrado morto em São Paulo

20 de abril de 2019
Valdiram Caetano de Morais, de 36 anos, foi encontrado morto e com sinais de espancamento pelo corpo em uma rua na região de Santana, zona norte de São Paulo. Valdiran foi atacante do Vasco e enfrentava problemas com alcoolismo e drogas. A informação foi confirmada pelo Lance!. Segundo a Polícia Militar, uma equipe foi atender uma chamada sobre um morador de rua morto. Quando os policiais chegaram no local, encontraram o corpo do ex-jogador caído na calçada e com sinais de agressão. Os policiais militares chegaram a acionar o serviço de resgate médico, que constatou o óbito. A Agência Record apurou que o corpo está no IML-Norte (Instituto Médico Legal Norte) aguardando por um familiar para reconhecer o corpo e cuidar dos trâmites legais. O caso foi registrado no 13° DP (Casa Verde).

Fonte: R7 Esportes

17ª Corrida Tiradentinhos acontecerá neste domingo em Juazeiro-BA

20 de abril de 2019
Se a 35ª Meia Maratona Tiradentes, em Juazeiro-BA, teve as inscrições prorrogadas até o final deste mês, a 17ª Corrida Tiradentinhos está confirmadíssima para este domingo (21), às 8h. Promovida pela prefeitura municipal através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes, a prova terá largada na Rua Tiradentes, Bairro Santo Antônio, Centro da cidade. O evento, que tem como objetivo estimular a garotada para a prática da atividades físicas e educar através do esporte, surgiu na década de 80, por iniciativa dos moradores da Rua Tiradentes, e faz parte do calendário esportivo do município há 10 anos, além de ser registrado na Superintendência de Esportes da Bahia (Sudesb). “Cerca de 300 crianças e adolescentes, entre 7 e 14 anos, participam da Corrida Tiradentinhos, e a gente considera um grande sucesso a realização. A prova precede a Meia Maratona e é também uma oportunidade para que os pequenos possam mostrar seus talentos“, frisa o superintendente de Esportes, Gilberto Pacheco. A Tiradentinhos é dividida em quatro baterias; os primeiros colocados de cada categoria (masculino e feminino) recebem uma bicicleta, além de brindes e troféus. Os demais participantes ganham medalhas de participação. Vale ressaltar que a competição tem apoio de educadores físicos, assim como a parceria do Corpo de Bombeiros e do Samu. “Nossa preocupação vai desde o lanche e a água, até a segurança com a saúde. O investimento no desporto do município é amplo e contempla o esporte educacional, profissional e amador”, conclui Pacheco.

Fonte: Blog do Carlos Britto

Policiais militares da 76ª CIPM prendem em Juazeiro-BA acusado de homicídio menos de 24 horas após o crime

20 de abril de 2019
De acordo com informações policiais, um homem foi preso em flagrante neste Sábado (20), após a Polícia Militar averiguar uma denúncia através do 190, dando conta de que o acusado de ter cometido um homicídio a menos de 24 horas no Bairro Jardim São Paulo, em Juazeiro-BA, estaria homiziado em uma residência no mesmo bairro. Diante da denúncia as viaturas realizaram deslocamento até o local e após uma busca minuciosa conseguiram encontrar o acusado Iata Anderson dos Santos, que confessou aos policiais que efetuou vários disparos de arma de fogo contra a pessoa de nome Fábio Lopes, que veio a óbito no local. O acusado foi encaminhado até à 17ª Coorpin para registro dos fatos, sendo a ocorrência direcionada para o Flagrante, pois ainda não havia se passado as 24 horas. O acusado recebeu voz de prisão em flagrante pelo crime de homicídio com agravante, pois o mesmo estava na “Saidinha da Semana Santa”. Na Delegacia foi verificado que ele é reincidente no crime de homicídio e estando cumprindo uma pena de 13 anos dos 15 anos ao qual foi condenado. Participaram da ocorrência as viaturas 7601, 7604, 7603, Rondesp e PETO 76 em apoio.
Ascom PMBA/76ª CIPM/Imagem: Reprodução/PMBA

Fonte: Blog Diniz K-9

11 mitos e verdades sobre o cérebro

20 de abril de 2019
Será que realmente só usamos um décimo de nossa capacidade cerebral? 
“É você olhar no espelho, se sentir um grandesíssimo idiota/ Saber que é humano, ridículo, limitado/ E que só usa 10% de sua cabeça animal”, cantou Raul Seixas em “Ouro de tolo”. O roqueiro baiano tinha razão em falar que nós humanos somos limitados (e ridículos?). Mas, será que realmente só usamos um décimo de nossa capacidade cerebral? Confira o que dizem os especialistas sobre os “neuromitos” que circulam por aí. 

1. "Não é preciso estudar ao longo do semestre, somente na véspera da prova". 
MITO 
“Está provado até através de testes em abelhas e ratos que um treinamento espaçado, de cinco vezes por semana, por exemplo, é melhor do que um treinamento massivo em um só dia. Ou seja, a exposição ao conteúdo ao longo do semestre é muito melhor para o aprendizado”, diz o neurocientista Sidarta Ribeiro. 

2. "Só precisamos de cinco horas de sono". 
DEPENDE 
“Na verdade cada um precisa de uma quantidade própria. Em média, esse tempo costuma ser de no mínimo seis horas. O sono é importante para a recuperação dos neurônios e até para prevenção de doenças como o Alzheimer ”, afirma Ribeiro. 

3. "Soneca melhora o aprendizado". 
VERDADE
“O sono deveria ser trazido para dentro da escola das crianças pois é essencial para o aprendizado”, diz Sidarta Ribeiro. “É importante tanto para preparar o cérebro para o conteúdo novo, quanto para fixar e consolidar a memória.” 

4. "O cérebro não cria novos neurônios". 
MITO
“Isso caiu por terra há tempos. Hoje se sabe que enquanto a pessoa estiver viva ela tem capacidade de criar novas sinapses e novos neurônios de fato”, diz a pesquisadora Julie Weingartner. 

5. "Para tocar bem um instrumento musical, só se começar na infância." 
VERDADE 
“Ainda existe muito essa lenda, mas já sabemos que há uma plasticidade neural em graus muito avançados, independentemente da idade. Ou seja, podemos sempre aprender coisas novas. A vantagem de crianças e adolescentes é que elas tem uma velocidade muito maior nesse processo”, afirma Weingartner. 

6. "É impossível sentir dor no cérebro". 
VERDADE 
De acordo com uma lista de curiosidades sobre o cérebro elaborada pelo Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino (IDOR), esse órgão não possui receptores responsáveis pela sensação de dor. Por isso algumas cirurgias cerebrais podem ser feitas com o paciente acordado. 

7. "Cada área cerebral tem uma função". 
MITO 
Segundo o IDOR, hoje sabemos que o cérebro funciona em rede, com várias áreas atuando em conjunto. 

8. "Possuímos trilhões de neurônios". 
VERDADE
O número de sinapses, que são as conexões entre os neurônios, gira em torno de 500 trilhões, de acordo com o IDOR. 

9. "Atividades em grupo fazem bem ao cérebro". 
DEPENDE 
“Existem diferentes perspectivas e teorias sobre isso. A primeira argumenta que o ritual não é importante ou benéfico para o bem-estar mental ou físico, e que as pessoas perdem muito tempo e energia que poderiam ser gastas de forma mais produtiva. Também facilitaria a divulgação de informações falsas ou erradas e a disseminação de rumores. Por outro lado, há um grande número de teóricos que argumentam que os rituais têm efeitos positivos no bem-estar mental e físico ao ligar as pessoas umas às outras. Há fortes evidências de que laços sociais ajudam as pessoas a levarem vidas mais felizes e saudáveis.”, afirma o neurocientista Ronald Fischer. 

10. "A genética pode influenciar em nosso comportamento". 
DEPENDE 
“Nós carregamos conosco um conjunto de genes específicos que nos predispõem a tornar alguns comportamentos ou hábitos mais fáceis ou mais difíceis de adquirir. No entanto, como esses genes se desenvolvem, vai depender do ambiente. Portanto, as condições culturais são realmente importantes para entender como os processos neuropsicológicos estão sendo traduzidos em comportamentos”, afirma Fischer. 

11. "Usamos apenas 10% do nosso cérebro". 
MITO
Segundo o IDOR, ao contrário do que se acredita, não usamos apenas 10% do cérebro: ele está sempre em atividade plena.
Imagem: iBahia

Fonte: Agência O Globo/iBahia

Governo Federal lança Programa Ciência na Escola

20 de abril de 2019
Os ministérios da Educação (MEC) e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) lançaram nesta semana o programa Ciência na Escola. O objetivo da iniciativa é qualificar o ensino de temas relacionados à disciplina em escolas públicas, nos ensinos fundamental e médio. Serão disponibilizados R$ 100 milhões para instituições apresentarem projetos visando a estimular essa temática nos bancos escolares. Poderão concorrer a esses recursos redes de instituições que envolvam escolas, universidades, centros de ciência e espaços de desenvolvimento científico e inovação. As verbas serão distribuídas em diferentes escalas de projetos, como estadual (R$ 4 milhões), interestadual (R$ 10 milhões) e regional (R$ 20 milhões). Os ministérios anunciaram outros projetos dentro do programa. As pastas vão ampliar a Olimpíada Nacional de Ciências, atualmente uma iniciativa do MCTIC em parceria com a Universidade Federal do Piauí. O investimento previsto é de R$ 1 milhão. A meta é ampliar o escopo da competição e chegar a 1 milhão de alunos de diferentes estados. Entre as medidas está prevista também uma chamada pública para destinar recursos a pesquisadores com estudos relacionados ao tema, com foco no ensino de matérias dos anos finais do ensino fundamental e do ensino médio. O Objetivo é disseminar a prática científica e aproximar universidades, instituições científicas e tecnológicas e escolas públicas. Os ministérios vão implementar uma plataforma que ganhou o nome de “Ciência é 10”, voltada à qualificação de professores em assuntos vinculados à área. Professores poderão fazer especialização a distância em ensino de ciências. Além disso, outra plataforma foi desenvolvida pela Rede Nacional de Pesquisa para facilitar o acompanhamento das ações do conjunto do programa.

Fonte: Tribuna da Bahia

Álcool será restringido nos estádios durante a Copa América

19 de abril de 2019
O torcedor que for aos estádios assistir à Copa América 2019 terá seu consumo de bebidas alcoólicas restringido. Sem uma Lei Geral que autorize dribles na legislação, a organização do torneio terá de ceder à nova regra. “Vamos seguir as leis de cada estado”, afirmou Thiago Jannuzzi, gerente geral do Comitê Organizador Local (COL). Assim, nas partidas que serão disputadas em Porto Alegre e São Paulo não será vendida cerveja nos estádios. Em Belo Horizonte, a lei atual permite a comercialização até o intervalo dos jogos, mas tramita na Assembleia Legislativa mineira um projeto para liberar durante toda a partida. Apenas Salvador e Rio de Janeiro não terão nenhum tipo de restrição. Segundo Jannuzzi, o COL vai interferir o mínimo possível nos estádios da Copa América. Eles manterão suas atividades rotineiras e em maio, 30 dias antes da competição, o gramado do estádio entrará num período de preparação final para a competição. Será resguardado e avaliado periodicamente até o início do torneio. “Durante a competição, o comitê terá 100% de controle sobre os estádios nos dias de jogo e véspera de jogo. Nos demais dias, haverá um uso compartilhado”, afirmou. Os locais de treino estão em definição, depois de uma série de visitas técnicas do COL a locais de cada cidade-sede. Os campos de treino serão nas cidades-sede. Segundo Jannuzzi, o primeiro deles, em São Paulo, estará funcionando a partir do dia 11 de junho. Pelo regulamento, cada seleção precisa chegar à sede com três dias de antecedência. “Mas vale lembrar que as seleções podem escolher qualquer local para fazer o seu período de aclimatação, antes do início da Copa América”, explicou. Jannuzzi afirmou que o COL não tem encontrado resistência de clubes e municípios. A entidade tem trabalhado em conjunto com as forças públicas de segurança das cinco cidades-sede e do governo federal em um plano de segurança para o torneio. “A receptividade e o desejo de participar de alguma forma da Copa América tem sido grande por parte de todos.” Até o momento, a venda de ingressos superou 350 mil unidades, o que foi classificado como “satisfatório” por Jannuzzi. A expectativa é atrair mais de 1 milhão de torcedores. O canal oficial de venda é o portal copaamerica.com. “A tendência é de aumento da procura com a proximidade da competição. Além do Brasil, torcedores de 98 países já compraram entradas”, afirmou. 
Com Estadão Conteúdo

Fonte: Veja

Grávida de 7 meses morre afogada ao tentar salvar filho de 5 anos em represa

19 de abril de 2019

Grávida de sete meses, a jovem Camila Bianca Pereira da Silva, de 24 anos, morreu na tarde de quinta-feira (18) ao tentar salvar o filho, Erick Miguel da Silva Alves, de cinco anos, após se desequilibrar ao brincar e cair em uma área funda na represa de Jurumirim, em Avaré, no interior de São Paulo. Além da mulher, o menino e o bebê também morreram no acidente. Ao portal da RedeTV!, o Corpo de Bombeiros de Avaré (SP), a criança chegou a ser socorrida antes da mãe, que só foi retirada com a chegada dos bombeiros - que realizaram o resgate, tentaram reanimá-la e a encaminharam para o Pronto Socorro de Avaré. Já sem sinais vitais, Camila morreu ao dar entrada no local. A criança que ela esperava, uma menina, também não pôde ser salva. O menino foi socorrido por outras pessoas no local e levado pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) ao mesmo hospital. Ele também não resistiu. Ainda conforme os bombeiros informaram ao portal da RedeTV!, o acidente aconteceu em um local conhecido como Prainha de Itaí, que é uma área rasa e geralmente usada para o lazer por moradores da região. A profundidade do local é de 1,5 metro, mas a criança caiu numa parte onde havia um buraco, cuja profundidade chegava a 2,5 metros. Nas redes sociais, amigos e familiares publicaram fotos de Camila e Erick e lamentaram a tragédia. "Minha irmã e sobrinhos, que Deus receba vocês de braços abertos. Não tenho palavras para expressar tamanha dor. Não deu tempo de fazer a visita que eu havia te prometido minha irmã, tantas palavras que não foram ditas, tantas saudades. Descanse em paz, meus anjos", escreveu a irmã da mulher. "O minha filha, que Deus te dê um bom lugar pra você meu neto e minha netinha, que não pudemos conhecer. Infelizmente, não tivemos muito tempo juntos mas sempre vou amar vocês. Um dia a gente se reencontra. Luto profundo. Filha, vai com Deus", publicou o pai de Camila. Os corpos devem passar por exame no Instituto Médico Legal (IML) de Avaré ainda nesta sexta-feira (19) e serão velados a partir das 17h, no Velório Municipal de Avaré. O enterro será realizado no Cemitério Municipal de Avaré. O caso foi registrado e as circunstâncias do acidente serão investigadas pela Polícia Civil.
Por Sara Oliveira

Fonte: Rede TV

Por que peixe não é considerado carne durante a Quaresma?

18 de abril de 2019
Para os cristãos, a quaresma é o período litúrgico de preparação para a Páscoa. Ela é uma época de viver de forma simples, praticar o jejum, a abstinência, a reflexão espiritual e a penitência. Mas, também é o período de trocar o Big Mac por um McFish. Mesmo que peixe, teoricamente, também seja carne. A tradição de não comer carne nas sextas-feiras da quaresma vem para “honrar” o sacrifício que Cristo fez. A maioria dos cristãos associa a data aos 40 dias que Jesus passou em jejum no deserto, sendo atormentado pelo demônio, antes de começar sua vida pública e se apresentar como um profeta de Deus. Na verdade, a duração da Quaresma nem está diretamente ligada a isso: ela é baseada na simbologia que o número quarenta possui na Bíblia — quarenta dias do dilúvio, quarenta anos de peregrinação do povo judeu pelo deserto, quarenta dias e Moisés e de Elias na montanha, 400 anos que durou o exílio dos judeus no Egito, etc. Desde a antiguidade, a carne vermelha foi símbolo de opulência e celebração. Por isso, consumi-la durante a Quaresma não faz jus às práticas humildes desta época. Mesmo assim, isso não responde por que apenas carnes vermelhas e aves são proibidas, enquanto peixe é liberado. E é aqui que entram Paulo e São Tomás de Aquino. 

As explicações religiosas
Na primeira carta de Paulo aos Coríntios, ele escreveu: “Nem todas as carnes são iguais: uma é a dos homens e outra a dos animais; a das aves difere da dos peixes” (15:39). A distinção foi possivelmente tirada das próprias restrições alimentares do judaísmo, que separam os próprios peixes em dois grupos, de “permitido” e “proibido”. O peixe para a dieta judaica só é um alimento considerado “limpo” e adequado se tiver barbatanas e escamas – é o caso do atum e do salmão, mas não de tubarões, bagres e enguias, por exemplo. Entre os bichos terrestres, a regra é que o bicho seja ruminante e tenha os cascos fendidos em duas partes. Então vale carne de vaca, mas não de porco… Nem de camelo. Nem de coelho. Mas nada disso tinha ligação com a quaresma, em si. Vamos então ao século XIII, quando a separação de carne vs. peixe se estabeleceu de vez. São Tomás de Aquino dá outra explicação, em seu texto “Suma Teológica II”. Segundo ele, a regra tinha a ver… com evitar prazer e sexo (!). “O jejum foi instituído pela Igreja a fim de refrear as concupiscências da carne, que consideram os prazeres do toque em relação à comida e ao sexo. Portanto, a Igreja proibiu aqueles que jejuam de comer alimentos que proporcionam mais prazer ao paladar (…) e que seu consumo resulta em um maior excedente de matéria seminal, que quando abundante se torna um grande incentivo à luxúria.” Tradução: eles acreditavam que comer refeições mais “parrudas”, com carne vermelha, não só eram mais gostosas, como aumentavam a produção masculina de sêmen. E esse aumento levaria a uma libido maior (o que, vale lembrar não é verdade, não é ciência, era apenas o entendimento religioso da época). Mas não só as carnes vermelhas foram proibidas. São Tomás de Aquino adverte que o frango também proporciona prazer, já que também é um animal de “sangue quente” e da terra, diferenciando-se do peixe. 

Flexibilização das crenças — e carnes
Apesar dessas explicações, há quem acredite que, na verdade, essa restrição veio de interesses particulares do Vaticano, grande proprietário de comércios marítimos. E eles flexibilizaram as regras ao longo dos anos, de acordo com determinadas conveniências. No século XVII, o bispo do Quebec decidiu que os castores eram peixes. Em vários dos nosso vizinhos da América Latina, não há problema em comer capivara —aparentemente também um “mamífero aquático” para a Igreja — nas sextas-feiras da Quaresma. E, em 2010, o arcebispo de Nova Orleans deu positivo a carne de jacaré quando declarou: “O jacaré é da família dos peixes”. E essas restrições na dieta só se aplicam aos cristãos católicos: graças ao rei Henrique VIII e a Martinho Lutero, os protestantes não precisam se preocupar com o bacalhau do domingo. Quando Henrique reinou, o peixe era um dos pratos mais populares da Inglaterra. Mas quando ele se separou da Igreja Católica, consumir peixe nesse período se tornou uma declaração política pró-católica. Os anglicanos e os simpatizantes do rei, então, faziam questão de comer carne nas sextas-feiras da Quaresma. Na mesma época, Martinho Lutero declarou que o jejum dependia do indivíduo, não da Igreja. Mas essas atitudes prejudicaram bastante o setor pesqueiro da Inglaterra. Em 1547, o filho de Henrique, o rei Eduardo VI tentou restabelecer o jejum de carne para melhorar a economia do país – pelo menos para os peixeiros. Alguns anglicanos até retomaram a prática, mas os protestantes nunca morderam totalmente a isca.

Fonte: Super Interessante

UEFA divulga datas das semifinais da Champions

18 de abril de 2019
A Uefa definiu as datas dos jogos das semifinais da Liga dos Campeões da Europa. Tottenham e Ajax serão os responsáveis por abrir as partidas decisivas e fazem o jogo de ida em 30 de abril, na Inglaterra. Barcelona e Liverpool se enfrentam no dia 1º de maio na Espanha. Os confrontos de volta acontecem na semana seguinte. No dia 7 de maio, o Liverpool recebe o Barcelona no estádio Anfield para o segundo jogo da semifinal. Enquanto que o Ajax será o anfitrião no confronto contra o Tottenham no dia 8 do mesmo mês, na Amsterdam Arena. Todas as partidas serão às 16h (de Brasília). Na última terça-feira, o Barcelona venceu o Manchester United por 3 a 0 na partida de volta após o triunfo por 1 a 0 no primeiro duelo. Ontem, o Liverpool goleou o Porto por 4 a 1 e se garantiu nas semis depois da vitória por 2 a 0 na volta. Também em 16 de abril, o Ajax derrotou a Juventus por 2 a 1 fora de casa no jogo de volta. Na ida, a equipe holandesa empatou por 1 a 1 com a Velha Senhora. Ontem, o Tottenham conseguiu a vaga nas semis mesmo depois de perder por 4 a 3 para o Manchester City na volta, já que triunfou por 1 a 0 na partida de ida. 

Confira as datas dos confrontos:

Jogos de ida
Tottenham x Ajax - 30/04 
Barcelona x Liverpool - 1/05 

Jogos de volta
Liverpool x Barcelona - 7/5 
Ajax x Tottenham - 8/5

Fonte: UOL

Mulher é presa após atear fogo em morador de rua, no Distrito Federal

18 de abril de 2019
Uma mulher de 25 anos foi presa em flagrante na tarde de quarta-feira (17), suspeita de atear fogo em um morador de rua, no Setor Central da região administrativa, no Distrito Federal. A suspeita, que também vive em situação de rua, relatou a polícia que estava sob efeito de álcool e outras drogas, quando jogou o líquido inflamável em cima do homem. A motivação do crime, ainda de acordo com o relato da mulher, é que o rapaz teria se recusado a comprar mais bebidas alcoólicas. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado para socorrer a vítima, que, segundo publicação do Correio Braziliense, teve 36% do corpo queimado, com maioria das lesões de 2º grau. A mulher pode pegar até 30 anos de prisão.

Fonte: Leia Mais

Corrida na praia, no parque ou na esteira? Confira as diferenças

18 de abril de 2019
Algumas preferem correr na esteira, outras preferem ao ar livre, seja no parque ou na praia. Mas, apesar de ser a mesma modalidade, cada tipo de solo traz um impacto diferente ao corpo, o que é a diferença principal entre os exercícios. A esteira possui um sistema de amortecimento próprio, o que evita problemas nas articulações. Além disso, oferece um monitoramento que permite calcular o tempo, distância percorrida e frequência cardíaca. Já correr no parque requer alguns cuidados. A primeira coisa a se observar é a escolha do tênis. Ele precisa ser específico para seu tipo de pisada, já que sem esse detalhe as lesões se tornam mais comuns. Além disso, é recomendável fazer exercícios ao ar livre em horários em que o sol esteja mais baixo. A areia tem outros diferenciais. É essencial comprar uma sapatilha de neoprene para evitar cortar o pé pisando em alguma lada, por exemplo. Nesse tipo de treino, a musculatura da panturrilha é muito exigida por conta da areia. O ideal é que se reforce a musculatura na academia para que consiga suportar a sobrecarga.

Fonte: iBahia

Cérebro pode ser treinado para curar doenças, revela estudo

 18 de abril de 2019

O cérebro pode ser treinado para curar as doenças que o acometem. Cientistas brasileiros acabam de apresentar uma técnica de treinamento cerebral capaz de modificar as conexões neuronais em tempo recorde. O trabalho, publicado na Neuroimage, abre o caminho para novos tratamentos para o acidente vascular cerebral (AVC), a doença de Parkinson e até a depressão. O cérebro se adapta a todo momento - um fenômeno conhecido como neuroplasticidade. Essas mudanças na forma como funciona e conecta suas diferentes áreas são as bases do aprendizado e da memória. Entender melhor essas interações permite o avanço na compreensão do comportamento humano, das emoções e também das doenças que acometem o cérebro. "Tudo o que a gente é, faz, sente, todo o nosso comportamento é reflexo da maneira como o nosso cérebro funciona", explica o neurocientista Theo Marins, um dos autores do estudo. Algumas doenças, segundo o especialista, alteram esse funcionamento. E o cérebro passa a funcionar de maneira doente. "Ensinar" o cérebro a funcionar de maneira correta pode melhorar os sintomas de várias doenças. Uma das ferramentas que vem sendo utilizadas para compreender melhor essas dinâmicas é o neurofeedback. Assim é chamado o treinamento do cérebro para modificar determinadas conexões. O estudo dos neurocientistas do Instituto IDOR de Ensino e Pesquisa e da UFRJ mostrou que o treinamento é capaz de induzir essas modificações em menos de uma hora. Para fazer o trabalho, os cientistas contaram com 36 voluntários que se submeteram a exames de ressonância magnética. A atividade neuronal captada no exame é transformada em imagens apresentadas em computadores de acordo com a intensidade. Os voluntários acompanhavam as imagens em tempo real, aprendendo a controlar a própria atividade cerebral. Enquanto 19 participantes receberam o treinamento real, outros 17 foram instruídos com falsa informação - o que funcionou como uma espécie de placebo. Antes e depois do treino, os pesquisadores registraram as imagens cerebrais que permitiam medir a comunicação (a conectividade funcional) e as conexões (a conectividade estrutural) entre as áreas cerebrais. O objetivo era observar como as redes neurais eram afetadas pelo neurofeedback. 

Antes e depois
Ao comparar a arquitetura cerebral antes e depois do treinamento, os cientistas constataram que o corpo caloso (a principal ponte de comunicação entre os hemisférios esquerdo e direito) apresentou maior robustez estrutural. Além disso, a comunicação funcional entre as áreas também aumentou. Para os pesquisadores, é como se o todo o sistema tivesse se fortalecido. "Sabíamos que o cérebro tem uma capacidade fantástica de modificação. Mas não tínhamos tanta certeza de que era possível observar isso tão rapidamente", conta Marins. Desta forma, o treinamento cerebral se revelou uma ferramenta poderosa para induzir a neuroplasticidade. Agora, os pesquisadores esperam utilizá-lo para promover as mudanças necessárias para recuperação da função motora em pacientes que sofreram um AVC, que foram diagnosticados com Parkinson e mesmo com depressão. "O próximo passo será descobrir se pacientes que sofrem de desordens neurológicas também podem se beneficiar do neurofeedback, se ele é capaz de diminuir os sintomas dessas doenças", disse a médica radiologista Fernanda Tovar Moll, presidente do IDOR. "Ainda falta muito para chegarmos a protocolos específicos. Quanto mais entendermos os mecanismos, mais terapias poderemos desenvolver."
As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

Fonte: Estadão Conteúdo/Viva Bem

Ex-presidente do Peru comete suicídio na presença da polícia

18 de abril de 2019
O ex-presidente do Peru Alan García, 69 anos, atirou em sua própria cabeça após a polícia chegar à casa dele em Lima para prendê-lo. O caso aconteceu na manhã dessa quarta-feira (17). Ele era acusado de suborno em relação à empreiteira Odebrecht. García foi levado imediatamente ao hospital Casimiro Ulloa, mas não resistiu ao ferimento. A TV local informou que García passou por uma cirurgia de emergência e estava em situação crítica. Imagens do filho de García e de apoiadores chegando ao hospital foram exibidas na televisão peruana. 

Fonte: Reuters

Hemofilia é hereditária e afeta a coagulação do sangue

18 de abril de 2019

A hemofilia é um distúrbio genético e hereditário que compromete a capacidade do corpo em formar coágulos, tão necessários para interromper as hemorragias. Isso acontece quando há ausência de proteínas, substâncias que, dentre inúmeras funções, ajudam na coagulação. Quando uma pessoa corta alguma parte do corpo e começa a sangrar, são as proteínas que entram em ação para estancar o sangramento. Esse processo é chamado de coagulação. As pessoas portadoras de hemofilia, não possuem essas proteínas e sangram mais. "Não podemos esquecer que as pessoas também podem ter coagulações internas, como sangramentos espontâneos nas articulações ou nos músculos e podendo até levar a deficiência física, caso não seja tratado", destaca a Dra. Eveny Cristine Luna - hematologista - Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian (Humap) - Campo Grande (MS). Quem tem hemofilia, quando se machuca, permanece sangrando durante um tempo maior do que pessoas que não possuem o distúrbio. Também há casos que o sangramento pode ocorrer por vários dias, após um ferimento ou uma cirurgia. Outra característica de quem tem hemofilia é a baixa atividade dos fatores de coagulação. Existem 13 tipos diferentes de fatores de coagulação e os seus nomes são expressos em algarismos romanos. Pessoas com deficiência de atividade do Fator VIII, por exemplo, possuem hemofilia A. Aquelas com deficiência de atividade do Fator IX, possuem hemofilia B. As hemofilias A e B atingem predominantemente pessoas do sexo masculino, com mais de 40 anos e negros. 

Sintomas
Os sintomas mais comuns são os sangramentos prolongados. Esses sangramentos podem ser externos, como quando ocorrem cortes na pele, ou internos, quando o sangramento ocorre dentro das articulações, dentro dos músculos ou em outras partes internas do corpo. Como a coagulação nessas pessoas é muito lenta, ocorre grande derramamento de sangue nessas regiões provocando inchaço e dor. 

Diagnóstico
O diagnóstico de hemofilia deve ser pensado sempre que há histórico de sangramento fácil, após pequenos traumas, ou ainda se casos espontâneos, quando são formados hematomas subcutâneos nos primeiros anos de vida. Também é preciso ficar atendo ao sangramento muscular e/ou articular, em meninos acima de dois anos, ou mesmo com história de sangramento excessivo após procedimentos cirúrgicos ou extração dentária. "O diagnóstico de hemofilia pode ser detectado também na gestação, mas não é um exame pedido no pré-natal, ele pode ser feito, mas só é pedido em casos com histórico na família", fala Luna. Segundo a especialista, em até 30% dos casos pode não haver antecedente familiar de hemofilia. 

Tratamento
O SUS (Sistema Único de Saúde) oferece uma linha de cuidados de qualidade para tratar a hemofilia e prevenir suas complicações, que vai desde o diagnóstico correto e o atendimento aos pacientes e familiares por equipes multidisciplinares. Tudo orientado por protocolos específicos.

Fonte: Blog da Saúde/Viva Bem