quarta-feira, 22 de maio de 2019

IBGE libera edital do concurso com 209 vagas; inscrições começam quarta (22)

21 de maio de 2019
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) liberou nesta terça-feira (21) o edital de abertura de inscrições do seu novo concurso público com 209 vagas temporárias, autorizadas em 25 de março. Do total de postos, 4 são para o cargo de agente censitário municipal, 25 para agente censitário supervisor e 180 para recenseador, para quem possui níveis fundamental e médio, com iniciais de até R$ 2.100. As inscrições podem ser feitas a partir do dia 22 de maio com atendimento até 9 de junho. No caso de recenseador, os interessados devem possuir ensino fundamental e a remuneração será variável de acordo com a produtividade, com jornada mínima recomendável de 25 horas semanais. Para agente censitário supervisor - experimental, a exigência é de ensino médio, com inicial de R$ 1.700, para jornada de 40 horas semanais. Para agente censitário municipal - experimental, exigência de ensino médio, com inicial de R$ 2.100, também com jornada de 40 horas semanais. Para todas as opções, o interessado não deve ter sido contratado como temporário do IBGE nos últimos 24 meses. Os contratados atuarão no Censo Experimental, uma prévia para o Censo Demográfico 2020, que deverá abrir cerca de 250 mil oportunidade. A duração dos contratos será de até dois meses para os recenseadores e até seis meses para os agentes censitários, renováveis a cada 30 dias. As inscrições poderão ser feitas somente pela internet, na página eletrônica da banca organizadora, o Ibade, que é www.ibade.org.br. Os candidatos devem efetuar o pagamento da taxa, pela Guia de Recolhimento da União (GRU) nas agências do Banco do Brasil. As taxas são de R$ 25 para recenseador e R$ 42,50 para os agentes. O pagamento da taxa poderá ser feita até o dia 10 de junho. A realização das provas objetivas do concurso IBGE 2019 estão marcadas para ocorrer em 21 de julho, às 13 horas, com duração de quatro. Para recenseador serão 50 questões, sendo 15 de língua portuguesa, dez de matemática e 25 de conhecimentos técnicos. No caso de agentes serão 60, incluindo 15 de língua portuguesa, dez de raciocínio lógico, 15 de noções de administração geral/ situações gerenciais e 20 de conhecimentos técnicos. No caso de recenseador, os aprovados também serão submetidos a um treinamento específico.
Imagem: Google

Fonte: iBahia

terça-feira, 21 de maio de 2019

Conheça os sintomas do Lúpus, doença autoimune mais comum em mulheres

19 de maio de 2019

Pode parecer estranho, mas o nome vem da idade média. É isso mesmo! Antigamente alguns médicos achavam que a uma mancha que surge na face de algumas pessoas com a doença teria um aspecto parecido com a que está presente no rosto de alguns tipos de lobo, daí veio o nome popular - Lúpus, que significa lobo "Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES)". É uma doença inflamatória autoimune, mais frequente nas mulheres do que nos homens, provocada por um desequilíbrio do sistema imunológico. "O seu próprio corpo criaria uma autoagressão. Você produz anticorpos, que são feitos para te defender contra microrganismos externos, como vírus, bactérias, e quando esse anticorpo se volta contra seu próprio corpo, pode causar diversas manifestações e que no caso a doença que mais representa isso seria o Lúpus", explicou Ana Luisa Calich, médica reumatologista da Sociedade Brasileira de Reumatologia ao site Drauzio Varella. A causa do LES ainda é desconhecida, mas sabe-se que fatores genéticos, hormonais e ambientais podem resultar no desencadeamento da doença. As características clínicas variam de um indivíduo para outro, e a evolução costuma ser crônica, com períodos mais acentuados e outros de remissão. Apesar das características clínicas variam de um indivíduo para outro, e a evolução costuma ser crônica, com períodos mais acentuados e outros de remissão, a médica destaca que existe pacientes com sintomas leves até quadros mais graves. "Essa variação é muito importante do paciente saber, porque muitas vezes ele recebe o diagnóstico, vai ler na internet e vai ler o pior caso, por isso, é importante as pessoas saberem essa variação", disse Ana. No caso de Igor Monteiro, 32, diagnosticado com lúpus aos 17 anos, a manifestação foi branda e sem dores. "Eu comecei a urinar com sangue e laranja, fiquei inchado e isso durou uma semana até eu contar para minha mãe que é medica. Fui fazer exames específicos e fiz uma biópsia renal, até que veio o diagnóstico de lúpus, que no meu caso atacou os rins", relembra. Os sintomas do lúpus podem surgir de repente ou se desenvolver lentamente. Entre os sinais estão dor nas articulações, rigidez muscular, inchaços, sensibilidade à luz do sol, irritação cutânea (vermelhidão na face em forma de "borboleta" sobre as bochechas e a ponta do nariz), que afeta cerca de metade das pessoas com lúpus. A irritação cutânea piora com a luz do sol e também pode ser generalizado. "Eu tive de mudar meus hábitos, usei um bom tempo medicamentos de alto custo pelo Sistema único de Saúde (SUS), usava protetor solar todos os dias e usava a camisa de manga comprida tempo inteiro por conta do sol", disse Igor que há seis anos a doença não se manifesta. Também estão entre os sintomas fadiga, febre, dificuldade para respirar, dor no peito ao inspirar profundamente, dor de cabeça, confusão mental e perda de memória, linfonodos aumentados, queda de cabelo, feridas na boca, desconforto geral, ansiedade e mal-estar. 

Importância do diagnóstico
De acordo com a Coordenação Geral de Média e Alta Complexidade - CGMAC/DAET/SAS, do Ministério da Saúde, para o diagnóstico de LES é fundamental a realização de anamnese, entrevista realizada por um profissional de saúde com o paciente, exame físico completo e alguns exames laboratoriais que podem auxiliar na detecção de alterações clínicas da doença. O tratamento do LES depende da manifestação apresentada por cada um dos pacientes, portanto, deve ser individualizado. Seu objetivo é o controle da atividade da doença, a minimização dos efeitos colaterais dos medicamentos e uma boa qualidade de vida aos seus portadores. O paciente é atendido nas Unidades Básicas de Saúde e, quando necessário, encaminhado ao médico especialista. O tratamento é individualizado, dependendo das manifestações da doença, e pode ser medicamentoso ou não-medicamentoso, como proteção contra a radiação solar, não fumar e atividades físicas.
Por Luiza Tiné

Fonte: Blog da Saúde/Viva Bem

AliExpress deve reduzir pela metade o prazo de entrega

19 de maio de 2019
O site de varejo AliExpress lançou no Brasil o AliExpress Premium Shipping, que deve reduzir o prazo de entrega de produtos no Brasil. O anúncio foi feito pela Alibaba, detentora do AliExpress, na tarde da quinta-feira (16). Com o serviço, o prazo de entrega deve passar de até dois meses, para até um mês. Ao Valor Econômico, a empresa confirma que "o progresso do envio Premium é totalmente rastreável e proporcionará aos usuários uma economia de até 59% no custo do envio." Ainda de acordo com o site, o Alibaba é a maior plataforma de marketplace (site de venda de itens de diferentes lojistas) da Ásia e uma das maiores do mundo, ao lado da Amazon.
Imagem: Google

Fonte: Leia Mais

Anatel anuncia medidas para Banda Larga mais acessível

18 de maio de 2019
A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) anunciou na sexta-feira (17) uma série de intervenções no mercado de atacado de telecomunicações - formado por grandes redes de tráfego, por onde passam informações e dados dos serviços (como a voz em uma ligação ou uma mensagem de e-mail). As medidas, previstas no Plano Geral de Metas de Competição (PGMC), visam favorecer a competição na oferta de serviços em 3.909 municípios com pouca ou nenhuma competição no setor. Conforme estabelecido, as grandes empresas - como Oi e Telefônica, na telefonia fixa; e Vivo, Claro, TIM e Oi na telefonia celular - terão que disponibilizar para os pequenos provedores de serviços de telecomunicação acessos a dutos de cabeamento, roaming nacional, troca de dados em alta capacidade e interconexão telefônica. O diretor-presidente da Anatel, Leonardo Euler de Morais, assinala que a iniciativa visa tornar o mercado mais eficiente, e podem resultar em redução no preço dos serviços para o consumidor final, em especial na banda larga.

Farinha de trigo e pão
"Começa um ciclo agora de maior dinâmica para o mercado de atacado", disse Leonardo Euller que comparou a regulação da agência com a regulação do preço da farinha de trigo para favorecer o segmento de panificação. "Eu posso regular o preço do pão ou escolher regular o preço da farinha e a partir disso estimular a competição no mercado do pão. O principal benefício é a melhoria da qualidade e a potencial redução dos preços dos serviços de telecomunicações, em especial a banda larga", acrescentou. A intervenção no mercado de dutos foi apontada pela agência como uma das principais medidas para favorecer os pequenos provedores, que já são responsáveis pela maioria dos acessos à internet no país. A redução do preço no mercado de dutos é de "centenas de vezes o valor mensal devido por quilômetro compartilhado. Em versões anteriores das ofertas, já foram registrados preços superiores a R$ 50 mil por quilômetro de duto compartilhado", descreveu nota da Anatel. A agência apontou que os preços ficarão na faixa de R$ 120 a R$ 750 o km. Já no mercado de dutos, a Anatel aponta que os provedores regionais de banda larga vão contar com melhores condições de transporte de tráfego em 2.493 municípios. Os preços terão uma variação de R$ 1,40 a R$ 24 o megabit por segundo (Mbps). As ofertas irão viabilizar as conexões nos seis grandes pontos de tráfego indicados pela agência: São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Fortaleza, Curitiba e Brasília. De acordo com o superintendente de competição da Anatel, Abraão Balbino, os pequenos provedores terão maiores condições de expandir o serviço, especialmente em municípios de pequeno e médio porte. "Este é um pleito de contestação dos provedores e principal falha de mercado no transporte de internet no Brasil. Ninguém entregava condições para os pequenos provedores, agora você tem um preço controlado para chegar aonde está o conteúdo em uma condição vantajosa. Isso vai ampliar a qualidade e reduzir os preços da banda larga em todos esses pontos", disse Balbino.
Imagem: Google

Fonte: Agência Brasil/Leia Mais

sábado, 18 de maio de 2019

Petrolina recebe palestra gratuita sobre novidades tecnológicas da Odontologia

17 de maio de 2019
Professor, implantodontista e especialista em Odontologia Digital, Alan Costa ministra no próximo dia 24, no Petrolina Palace Hotel, a palestra “Transformação Digital – Uma Nova Era da Odontologia”. Na oportunidade serão apresentadas novidades na área, como a tomografia que permite diagnósticos com alta precisão, os scanners intra-orais que chegaram para substituir as moldagens e o escaneamento de face, que vem se tornando uma valiosa ferramenta para a Odontologia moderna. Durante a palestra, cirurgiões-dentistas da região acompanharão o passo a passo do conjunto de informações que praticamente fornece a “cabeça virtual” do paciente, facilitando a elaboração do chamado planejamento reverso. Alan também mostrará como é possível fazer próteses totalmente pelo fluxo digital, fazendo o desenho através do escaneamento intra-oral e fabricando com impressoras 3D e fresadoras. Com vagas limitadas, as inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site da Unimagem. Após a palestra será servido um coquetel para todos os participantes. 

Fonte: Blog Alvinho Patriota

Enem: cota social é melhor que cota racial – e para todo mundo

17 de maio de 2019
Na guerra cultural (sim, isso existe) em andamento no Brasil (e no mundo), delírios à parte, chama atenção – na semana em que as ruas foram tomadas por multidões preocupadas com os destinos da educação – que ainda não tenha chegado à superfície da sociedade um debate que entupiu os esgotos da internet durante a campanha eleitoral: as cotas raciais. Mais cedo ou mais tarde, esse tema vai voltar com força, e seria inteligente e sensato nossos principais agentes políticos estarem prontos e armados para um enfrentamento de ideias e propostas que se dê acima dos subterrâneos em que proliferam preconceitos e desinformação. A esquerda gosta muito de se apoiar no conceito, imponderável e subjetivo, de que haveria um atávico “ódio aos pobres” servindo de combustível para as explosões que marcam os combates ideológicos sobre o papel do estado e as políticas públicas que diminuam as inquestionáveis desigualdades existentes no Brasil – sobre as quais não há divergências nem dos mais ensandecidos petraminions. Ignorar a força do emblema “ensinar a pescar” é uma tática não só inócua (basta constatar em que ponto chegamos) como desonesta. Alguém pode achar ruim capacitar uma pessoa a autodeterminar? Da mesma forma, alguém impediria que, independentemente disso, algo fosse feito para remediar uma situação desumana? Entre o ideal e a realidade, trava-se a tal guerra em que todos os soldados, de todas as tropas, se acham cobertos de razão e boa intenção. Desconheço alguém que, de forma consciente, lute por um mundo pior. Estamos falando em termos como os que envolvem outra concepção de justiça (e nunca de privilégios): a meritocracia. É curioso como o campo progressista enxovalha o conceito de mérito. Na verdade, mais que exótica, é uma posição burra. Não há regime político no mundo que valorize mais o esforço e o talento pessoais do que o “socialismo com traços chineses na época moderna”, usando as palavras do líder chinês Xi Jinping. Todos queremos ser reconhecidos por nosso valor. Ninguém gosta de ver seu legítimo lugar ocupado por alguém que não o fez por merecer. Mas por aqui a palavra meritocracia é tratada a pontapés por militantes talibãs, como se fosse algum sinônimo diabólico para exploração, injustiça ou maldade premeditada. Não é. Torturar o vernáculo não cria melhores condições para que um garoto negro e pobre receba alguma proteção na hora de disputar uma vaga com o menino branco e rico que sempre estudou nas melhores escolas. Aí chegamos na inversão mais perversa que fomos capazes de criar com nossos muros e bolhas: o “privilégio” de ser negro no Brasil. Por que virou privilégio? Porque, afinal, raça não é mérito, e nisso todos concordam. Quando defensores de cotas sociais ouvem um negro criticar com “ódio” esse mecanismo de inserção, o ouvinte, em vez de achar que está diante de um alucinado, deveria abrir mão da superioridade moral e tentar entender que masoquismo e loucura não são epidêmicos nem contagiosos. Alguma lógica, por mais perversa ou enviesada, está por trás desse posicionamento de aparência tão radical. É simples. Por que ser negro e pobre torna alguém “melhor” do que ser branco e pobre? Não somos todos iguais perante a lei? Nem todos aceitam o papel de vítima, por mais que tenham sido injustiçado. Dignidade, talvez. Por outro lado, nunca vi alguém contrário à política de cotas raciais se colocar contra a solução mais evidente e ecumênica: a cota social. Nem eu que sou a favor de cota racial consigo ser contra a opção pelo viés econômico. Por que esse debate nunca prosperou? Tenho minhas suposições – absolutamente inadequadas neste momento em que proponho objetividade. Só posso garantir que num país em que pobreza e negritude se confundem, seria improvável que o recorte por condições financeiras mudasse a lista de negros e pardos aprovados nos vestibulares deste país.
Foto: Pexels.com

Fonte: R7 Notícias

Prefeitura de Juazeiro-BA convoca candidatos aprovados em processo seletivo da SEDUC

17 de maio de 2019
A Secretaria de Gestão de Pessoas de Juazeiro (SEGESP) divulgou no Diário Oficial do Município desta quinta-feira (16/05), o décimo quinto edital de convocação do Processo Seletivo, referente ao edital nº 002/2018, da Secretaria de Educação e Juventude (SEDUC). Os candidatos convocados devem entregar a documentação solicitada no setor de Recursos Humanos da Secretaria de Educação e Juventude, localizada na Rua Antônio Pedro, nº 139 – Centro, no prazo previsto no edital. Confira aqui edital: Mais informações através do telefone (74) 3612-5674. 
Ascom Segesp/Foto: Ascom PMJ/Divulgação

Fonte: Blog do Geraldo José

sexta-feira, 17 de maio de 2019

Expresso do Forró vai garantir mobilidade durante São João de Petrolina 2019

17 de maio de 2019
O passaporte do ‘Expresso do Forró’, serviço que irá levar os forrozeiros, entre os dias 14 a 23 de junho, ao São João de Petrolina no Pátio de Eventos Ana das Carrancas, começará a ser vendido na próxima segunda-feira (20). O ‘Expresso do Forró’ é resultado de uma parceria entre a Prefeitura de Petrolina, o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco (Setranvasf) e o River Shopping. O ônibus vai sair do estacionamento do River Shopping e seguir direto para o pátio. As viagens de ida começam a partir das 19h, e terão ônibus disponíveis a cada meia hora até a meia noite. O retorno será feito até às 4h da madrugada. A passagem de ida e volta custa R$ 10 mas quem não fizer as duas viagens, fica com o crédito para o dia seguinte. “Recomendamos a compra antecipada para agilizar no embarque. No ano passado atendemos aproximadamente 3 mil pessoas, nossa expectativa é dobrar o número de passageiros este ano“, calculou Daísa Gomes, supervisora comercial do Setranvasf. O ponto de vendas para quem quer comprar o passaporte para o forró com antecedência é o Portal SG. Os ingressos também vão ser vendidos na hora do embarque durante os dias do São João de Petrolina.
Foto: Ascom PMP/Divulgação

Fonte: Blog do Carlos Britto

Anvisa interdita lote de vacina pentavalente produzida por empresa indiana

17 de maio de 2019
Vacina pentavalente protege contra difteria, tétano, coqueluche, a bactéria "haemophilus influenza" tipo B e hepatite B — Foto: Dayse Euzébio/Secom-JP
Por meio de resolução publicada no Diário Oficial desta sexta-feira (17), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) interditou um lote de vacinas da empresa indiana "Biologicals E. Limited". Conforme o texto do Diário Oficial, a vacina é do tipo pentavalente líquida e "obteve resultado insatisfatório no ensaio de aspecto". A empresa é especializada na produção de vacinas de baixo custo. O "ensaio de aspecto" é a análise do órgão regulador que verifica cor, odor e características da embalagem de um produto. A vacina pentavalente, como o próprio nome indica, protege o paciente contra cinco doenças: difteria, tétano, coqueluche, a bactéria haemophilus influenza tipo B (responsável por infecções no nariz e na garganta) e hepatite B. As crianças devem tomar três doses da vacina aos 2, 4 e 6 meses de idade. Em nota enviada ao G1, o Ministério da Saúde afirmou que "o lote interditado pela Anvisa não foi distribuído, dada a reprovação durante a análise de qualidade realizada pelo Instituto Nacional Controle Qualidade em Saúde (INCQS)". A nota diz, ainda, que as vacinas da empresa são adquiridas há cinco anos e até o momento não vinham apresentando problemas: "Desde 2014, a pasta adquire o imunobiológico (vacina duplo adulto e pentavalente) da empresa; todas as distribuições realizadas até então são referentes a outros lotes aprovados durante análise de qualidade." O lote interditado é o de número 220105317B. Procurada pelo G1 nesta sexta-feira, a empresa "Biologicals E. Limited" não se pronunciou até a mais recente atualização desta reportagem.

Fonte: G1

Ex-ministro José Dirceu se entrega à PF em Curitiba para cumprir pena na Lava Jato

17 de maio de 2019 
José Dirceu chega à PF, em Curitiba, para cumprir pena pela segunda condenação na Lava Jato — Foto: Ramon Pereira/RPC
O ex-ministro José Dirceu se entregou à Polícia Federal (PF), em Curitiba, na noite desta sexta-feira (17) para cumprir pena de 8 anos e 10 meses pela segunda condenação dele na Operação Lava Jato. Ele chegou à Superintendência da PF por volta das 21h30. Na tarde de quinta-feira (16), o juiz federal Luiz Antonio Bonat mandou prender o ex-ministro e estipulou que ele se entregasse até as 16h desta sexta. No entanto, ele não obedeceu o prazo estipulado. A defesa alegou que Dirceu não cumpriu o horário estabelecido porque viajou de carro, de Brasília (onde mora) para Curitiba. Como manifestou disposição em se apresentar à PF, ele não foi considerado foragido após as 16h. A determinação da prisão foi feita depois que o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) negou, por unanimidade, um recurso da defesa, que pedia prescrição da pena pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Mesmo com a prisão sendo executada, a defesa do ex-ministro ainda pode recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF) e ao Superior Tribunal de Justiça (STJ). Os advogados também podem tentar um último recurso, chamado de embargos dos embargos, no próprio TRF-4. 

Prazo 
No fim da tarde, com o fim do prazo estipulado pelo juiz, a defesa entrou com uma petição no processo e informou que José Dirceu estava a caminho de Curitiba. No documento, os advogados ressaltaram que ele se apresentaria ainda nesta sexta-feira. "Esclarece, contudo, que pela distância entre Brasília e Curitiba e pelo mau tempo, o condenado, que saiu de carro, durante a madrugada, da Capital Federal, não conseguirá chegar até as 16h. A Defesa não informou o provável horário de chegada, mas comprometeu-se a fornecer maiores informações assim que tiver uma previsão mais concreta", disse o juiz em despacho. Diante do pedido, Bonat informou que não caberia mais a ele aceitar o pedido por um novo prazo para que Dirceu se entregar. Segundo o juiz, a decisão cabe ao juiz da execução penal. "Detalhes para a entrega do preso, inclusive quanto à dilação do horário para tanto, devem ser requeridos àquele Juízo, razão pela qual deixo de examinar o pleito da Defesa", afirmou. 

Duas condenações
Dirceu foi condenado por corrupção e lavagem de dinheiro em 2017 em um processo que investigou recebimento de propina em um contrato com a empresa Apolo Tubulars para o fornecimento de tubos para a Petrobras, entre 2009 e 2012. O ex-ministro ficou ficou preso em Curitiba entre agosto de 2015 e maio de 2017, em cumprimento da primeira condenação que recebeu na Lava Jato. O STF concedeu a ele um habeas corpus e o direito de aguardar o julgamento dos recursos desse processo com monitoramento por tornozeleira eletrônica. Em 2018, depois que os recursos foram julgados, Dirceu voltou à prisão. Ele foi solto novamente em junho de 2018, após uma determinação da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), que considerou que ele deveria aguardar até que os recursos fossem julgados pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) em liberdade. No primeiro processo, o ex-ministro foi condenado por corrupção ativa, lavagem de dinheiro e organização criminosa. 

Andamento do processo da segunda condenação 
*A pena estipulada na primeira instância, no Paraná, havia sido de 11 anos e 3 meses; 
*Na apelação, a 8ª Turma do TRF-4 decidiu, por maioria, reduzir o tempo para 8 anos e 10 meses; 
*Um dos desembargadores, Victor dos Santos Laus, proferiu um tempo menor de prisão e a defesa entrou com recurso de embargos infringentes, na 4ª Seção do tribunal; 
*Primeiro julgamento na 4ª Seção negou o pedido para reduzir a pena; 
*O ex-ministro também tentou anulação ou a reforma da sentença, com recurso na 8ª Turma, o que foi negado.

Fonte: G1

Seminário no TSE discute meios de combater informações falsas sem ferir liberdade de expressão

17 de maio de 2019
Formas de combate a conteúdos falsos sem ferir a liberdade de expressão, ferramentas de enfrentamento às chamadas "fake news" e o papel das mídias sociais nesse enfrentamento foram temas de debates na tarde desta sexta-feira (17), no segundo dia do Seminário Internacional Fake News e Eleições, promovido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Pela manhã, o seminário discutiu, entre outros pontos, a dificuldade para se conter a disseminação de conteúdo falso por meio do aplicativo WhatsApp. A presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministra Rosa Weber, disse que o seminário fecha um ciclo ao refletir sobre experiência e providências adotadas, “muitas delas de improviso, em função de tudo que aconteceu nas eleições de 2018”. "Temos de abrir espaço para esse debate interdisciplinar para conhecer os diferentes enfoques sobre o tema", afirmou a ministra. O seminário teve a participação de dirigentes de empresas de comunicação e conteúdo, como Facebook, Google, Twitter e WhatsApp, além de especialistas do FBI (Departamento Federal de Investigação dos EUA), da Polícia Federal, da Organização dos Estados Americanos (OEA) e do Poder Judiciário. Também participaram representantes da imprensa, de universidades e de institutos de checagem de dados nacionais e internacionais, entre outros convidados. A iniciativa foi um esforço conjunto do TSE e da União Europeia com o objetivo de debater as implicações da disseminação de notícias falsas e seus efeitos no processo eleitoral e na sociedade em geral. 

Enquadramento como crime
No primeiro painel da tarde, Flúvio Garcia, delegado da Polícia Federal, falou da dificuldade em tipificar, tornar crime, as fake news. Para tentar enfrentar o problema, as superintendências da Polícia Federal nos 26 Estados e no Distrito Federal receberam um guia prático para auxiliar na investigação policial de crimes eleitorais praticados por meio de conteúdos falsos. “Esse roteiro apresenta como sugestão de tipificação, para além dos crimes contra a honra, também a possibilidade de fake news por pesquisa eleitoral falsa, ou pesquisa eleitoral fraudulenta, ou ainda a possibilidade de contratação de grupos que se destinam a ofender a honra ou denegrir a imagem na internet de partidos políticos, candidatos ou eventuais coligações", relatou. A seguir, Raquel Branquinho, procuradora da República e coordenadora da Área Criminal do Ministério Público Federal, também afirmou que será difícil enquadrar esse tipo de conduta no direito penal brasileiro. “A verificação de quem fez, quem divulgou, como foi divulgado, em que contexto e da autoria já difícil no modelo tradicional que nós temos, relação candidato-partido. É muito mais difícil nesse modelo da difusão de informações. Muitas vezes não sabemos a origem”, afirmou. 

Ferramentas de enfrentamento
Daniel Bramatti, presidente da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji), comentou sobre as possibilidades e desafios no combate ao conteúdo falso. Para ele, não se combate a desinformação com lei e com justiça. “Infelizmente, tivemos um caso recente aqui no Brasil quando o STF abriu investigação de um suposto caso de fake news e mandou tirar do ar um texto de uma revista digital. Esse foi um caso que, apesar de não ter característica de censura prévia, provocou enorme susto. A gente considera que o Supremo [Tribunal Federal] é um defensor da liberdade de expressão. Não esperávamos que viesse dali um risco”, disse. “Erro não é crime. Você não tira um conteúdo do ar baseado na suposição de quem tem uma intenção de mentir”, defendeu. Danilo Carvalho, coordenador de Data Science e Pesquisador da Fundação Getúlio Vargas (FGV/DAPP), citou um estudo que mostra que a difusão das fake news chega a superar a de notícias verdadeiras e mencionou ainda uma investigação que aponta interferência externa de contas russas nas eleições de 2014. “Conseguimos encontrar, com técnicas de investigação, 404 perfis com diversas discrepâncias em relação às contas brasileiras comuns, seja por fotos, seja pela língua que usavam, seja pela localização em que tuitavam, a plataforma que eles utilizavam", mostrou. Marcelo Lacerda, diretor de Políticas Públicas e Relações Governamentais da Google Brasil, encerrou o debate do painel, afirmando que “15% de todas as buscas feitas diariamente são buscas inéditas, buscas que nunca foram feitas”. “Isso significa que os mecanismos de busca precisam estar em constante processo de melhoramento. Se é identificado que esse usuário está usando nossas plataformas de publicidade para impulsionar ou monetizar conteúdo mal intencionado, esse sujeito deixa de utilizar nossas plataformas de publicidade”, afirmou. 

Mídias sociais
Angela Pimenta, coordenadora do projeto Credibilidade e ex-presidente do projeto Projor, falou sobre as tentativas de tornar crime as condutas criminosas relacionadas a conteúdo falso. “Isso demonstra o risco enorme de qualquer projeto de lei incorre no termo de produzir censura”, afirmou. Fernando Gallo, gerente de políticas públicas do Twitter, disse que todos devem ter acesso à informação, mas que há limitações na ferramenta justamente para impedir que conteúdos falsos ou criminosos sejam disseminados. Segundo ele, por ser em tempo real e público, o Twitter tem papel importante nessa tarefa. “Isso torna possível que um conteúdo esteja disponível, mas também que possa ser contestado por meio de resposta ou retuítes com comentários”, afirmou. “Nós como empresa não devemos arbitrar o que é verdade ou não.” Mônica Rosina, gerente de políticas públicas do Facebook no Brasil, trouxe exemplos do trabalho da rede social nas eleições, como remoção ágil de conteúdos problemáticos. Um deles foi um "santinho" com a data diferente da prevista para o pleito do ano passado. “Cada eleição que a gente enfrenta a gente aprende e leva esse aprendizado para a próxima eleição.” Ben Supple, gerente de Políticas Públicas do WhatsApp, disse que a maioria dos usuários usam a ferramenta para falar entre si, e não em grupos, e que tem orientado as pessoas a usarem o WhatsApp de forma mais segura. “É um aplicativo que reúne a família”, disse. “Isso significa que temos um contexto limitado a quem é o usuário da nossa plataforma.” Ao encerrar o seminário, Rogério Galloro, assessor especial da Presidência do TSE, afirmou que o encontro será considerado como estudo a ser somado a outras pesquisas e informações sobre regras eleitorais e a influência da internet nas eleições desenvolvidas no Brasil e no exterior. “Estamos enfrentando um problema de desinformação, algo que vai além de conteúdos falsos, sejam eles políticos ou eleitorais. Engloba questões de saúde pública e questões econômicas”, afirmou.
Por Luiz Felipe Barbiéri e Rosanne D'Agostino

Fonte: G1

Comunitário Léo Vinícius cobra intervenção em prédio público abandonado na Cohab Massangano

17 de maio de 2019
Fonte: Blog Diniz K-9/You Tube

Tite convoca seleção brasileira para disputa da Copa América

17 de maio de 2019
O técnico Tite convocou 23 jogadores para a seleção brasileira nesta sexta-feira (17) que vai disputar a Copa América. O torneio continental vai acontecer entre os dias 14 de junho e 7 de julho no Brasil. Após a polêmica por ter dado um soco num torcedor na final da Copa da França, o atacante Neymar foi chamado pelo comandante do time Canarinho. Parte dos jogadores vão se apresentar na próxima quarta (22), enquanto outros só se juntarão ao grupo em junho por conta das competições europeias que ainda estão em disputa. Antes do início da Copa América, o Brasil disputará dois amistosos. O primeiro será contra o Catar no dia 5 de junho em Brasília, e depois diante de Honduras, no dia 9, em Porto Alegre. A seleção brasileira está no Grupo A do torneio continental. A estreia da equipe será no dia 14, uma sexta, às 21h30, contra a Bolívia, no Morumbi. Depois, o time Canarinho joga em Salvador, no duelo com a Venezuela, no dia 18, uma terça, também às 21h30, na Arena Fonte Nova. Na terceira e última rodada da primeira fase, o selecionado encara o Peru, no dia 22, um sábado, às 16h, no Itaquerão. 

Confira a lista completa dos convocados por Tite:

Goleiros: Alisson (Liverpool), Cássio (Corinthians) e Ederson (Manchester City); 
Defensores: Alex Sandro (Juventus), Dani Alves (PSG), Éder Militão (Porto), Fagner (Corinthians), Filipe Luís (Atlético de Madrid), Marquinhos (PSG), Miranda (Inter de Milão) e Thiago Silva (PSG);  
Meio-campistas: Allan (Napoli), Arthur (Barcelona), Casemiro (Real Madrid), Fernandinho (Manchester City), Lucas Paquetá (Milan), Philippe Coutinho (Barcelona); 
Atacantes: David Neres (Ajax), Everton (Grêmio), Firmino (Liverpool), Gabriel Jesus (Manchester City), Neymar (PSG) e Richarlison (Everton).
Por Leandro Aragão

Fonte: BN Esportes

Criança tem couro cabeludo arrancado por leão

16 de maio de 2019
Uma criança de 4 anos foi atacada junto com o pai por uma leoa em uma fazenda de grandes felinos em Weltevrede, na África do Sul. Dina-Marie de Beer fazia carinho em filhotes de leão quando o animal a mordeu, no último domingo. O pai, Pieter, segurava a menina na hora e também foi ferido. Uma grade separava a leoa da família. De acordo com o jornal sul-africano Netwerk24, a menina teve o escalpo arrancado pelo animal e precisou ter parte do crânio retirado. O pai, que teve ferimentos leves, disse que a recuperação da filha será longa. Segundo o jornal, esse é o segundo ataque que acontece na mesma fazenda em um curto período de tempo — na semana passada, um homem também foi ferido após um leão avançar, sob uma cerca, contra ele. Procurado, o dono da fazenda respondeu que os leões são animais perigosos e selvagens e que "às vezes eles brigam de forma bruta".

Fonte: O Globo/iBahia

5 problemas de saúde que se manifestam na boca

16 de maio de 2019
O fato de a língua e a mucosa oral poderem refletir processos internos de todo o organismo é um conhecimento antigo. Ainda assim, costumamos ignorar quando esses sinais aparecem na boca em forma de manchas, feridas que não cicatrizam, sangramento na gengiva e erupções. “A falta de atenção a estas reações, a demora na busca por ajuda profissional especializada e o diagnóstico tardio são fatores agravantes dessas doenças”, adverte a dentista Denise Abranches, coordenadora do serviço de odontologia do Hospital São Paulo, em entrevista ao site Minha Vida, parceiro da Catraca Livre. 

Veja abaixo alguns sinais que podem aparecer na boca para indicar a existência de uma doença: 

Sangramento na gengiva
Embora algumas pessoas considerem normal haver “um pouquinho” de sangramento na gengiva, principalmente durante a escovação dos dentes, não há nada de normal nisso. Este sangramento, se acompanhado do inchaço da região, pode ser sinal de gengivite. 

Mau hálito
Se tiver um odor agridoce (semelhante ao de uma maçã passada) e não for resolvido com uma bela sequência de escovação, uso do fio dental e do enxaguante bucal, em alguns casos o mau hálito pode estar relacionado a diabetes. 

Verrugas no interior da boca
Lesões semelhantes a uma couve-flor, rosadas ou esbranquiçadas, são sintomas de HPV (Papilomavírus Humano), uma doença sexualmente transmissível que pode ser causada por mais de 200 tipos de vírus. Em alguns casos, a doença pode evoluir para um câncer de colo de útero, garganta ou ânus. 

Ferida que não cicatriza
Embora não seja exatamente comum, um câncer que tenha acometido outra parte do corpo pode chegar a se manifestar na boca. Isso aparecerá na forma de uma ferida ulcerada que cresce na mucosa bucal ou petéquias em palato duro e que até pode ser confundida com outros tipos de lesões, mas o fato de não cicatrizar é uma característica que facilita o diagnóstico. 

Aftas
São feridas que duram de uma a duas semanas e podem indicar enfraquecimento do sistema imunológico, estresse, alguma alergia ou alteração hormonal.

Fonte: Catraca Livre/MSN

Com Marta e Formiga, seleção brasileira é convocada para a Copa do Mundo

16 de maio de 2019 
A seleção brasileira feminina de futebol tem o grupo fechado para a disputa da Copa do Mundo de 2019. Na manhã de hoje (16), o técnico Vadão convocou as 23 jogadoras para representar o Brasil no torneio. A lista contém a craque Marta e a veterana Formiga, que vai disputar pela sétima vez um Mundial. A equipe nacional tem como base jogadores que atuam fora do país. Ao todo são 16 atletas que atuam fora, com destaque para Andressa Alves (Barcelona-ESP), Bia Zaneratto (Incheon-COR) e Andressinha (Portland-EUA), além de Marta (Orlando Pride-EUA) e Formiga (PSG-FRA). Vadão também apostou na veterana Cristiane, que recentemente retornou ao Brasil para jogar ao São Paulo. Das sete atletas que atuam em solo brasileiro, quatro atuam no Corinthians (Letícia, Érika, Mônica e Adriana). Bárbara (Avaí-Kindermann) e Fabiana (Internacional) completam a lista das 23. O técnico, que chega ao Mundial com nove derrotas seguidas, demonstrou confiança no grupo convocado. O Brasil enfrenta Jamaica, Itália e Austrália na fase de grupos da Copa do Mundo. A estreia contra as jamaicanas está marcada para o dia 9, em Grenoble. "Temos atletas que são capazes de resolver o problema com jogadas individuais, temos esse privilégio. Saímos daqui otimistas e estaremos mais preparados com estes 15 dias, coisa que não tivemos nestes amistosos. Os resultados negativos estão no passado, o que vale é o Mundial", assegurou Vadão. "Nosso otimismo de um bom resultado está na nossa cabeça e das meninas, como mostramos em uma reunião importante que fizemos. A nossa expectativa é altamente positiva, temos atletas de qualidade ímpar", acrescentou. 

Confira a lista das 23 convocadas:

Goleiras: Aline (Tenerife -ESP), Bárbara (Avaí/Kindermann) e Letícia (Corinthians); 
Laterais: Fabiana (Internacional), Letícia Santos (Sand-ALE), Tamires (Fortuna-DIN) e Camila (Orlando Pride-EUA); 
Zagueiras: Érika (Corinthians), Kathellen (Bordeaux-FRA), Mônica (Corinthians) e Tayla (Benfica-POR); 
Meio-campistas: Andressinha (Portland-EUA), Formiga (PSG-FRA), Adriana (Corinthians) e Thaísa (Milan-ITA); 
Atacantes: Bia Zaneratto (Incheon Steel Red Angels-COR), Cristiane (São Paulo), Raquel (Huelva-ESP), Debinha (North Carolina-EUA), Geyse (Benfica-POR), Ludmilla (Atlético de Madri-ESP), Marta (Orlando Pride-EUA) e Andressa Alves (Barcelona-ESP).

Fonte: UOL

segunda-feira, 13 de maio de 2019

Cabrobó e Iate Clube disputarão a final da 23ª Copa TV Grande Rio de Futsal

13 de maio de 2019
A final da 23ª Copa TV Grande Rio de Futsal será disputada pelo Cabrobó e Iate Clube no próximo sábado (18), em Petrolina. Nesse fim de semana, nos jogos das semifinais, o time cabroboense venceu o Abaré nos pênaltis, enquanto a equipe petrolinense derrotou a Cohab Massangano no tempo regular. Vindo de um empate no jogo de ida, Cabrobó e Abaré tiveram um confronto disputado. O placar ficou empatado em 0 a 0 no primeiro tempo, mas na segunda etapa cada time fez dois gols e levou o duelo para as penalidades. O Cabrobó levou a melhor por 3 a 1. A outra semifinal foi de muitos gols, repetindo o jogo de ida, que terminou empatado em 4 a 4. O Iate Clube, campeão de 2017, conseguiu vaga na final depois de vencer a Cohab Massangano por 4 a 3. 

Fonte: Blog Alvinho Patriota

Conmebol sorteia confrontos da segunda fase da Copa Sul-Americana

13 de maio de 2019
A Conmebol sorteou na noite desta segunda-feira (13), num evento realizado em Luque, no Paraguai, os confrontos da segunda fase da Copa Sul-Americana. Atlético-MG, Botafogo, Corinthians e Fluminense, que são os representantes brasileiros na competição, conheceram seus adversários. 

Veja os confrontos: 
La Equidad-COL x Deportivo Santaní-PAR 
Independiente del Valle x Universidad Católica 
Fluminense x Atlético Nacional-COL 
Unión Española x Sporting Cristal 
Argentinos Juniors x Deportes Tolima 
Montevideo Wanderers x Cerro-URU 
Universidad de Quito-EQU x Melgar 
Unión La Calera-CHI x Atlético-MG 
Sol de América-PAR x Botafogo 
Rionegro Águilas-COL x Independiente 
Corinthians x Deportivo Lara-VEN 
River Plate-URU x Colón 
Zulia x Palestino 
Deportivo Cali x Peñarol 
Liverpool-URU x Caracas 
Royal Pari x Macará 

O chaveamento até a final está definido. Nas oitavas, por exemplo, o vencedor do primeiro duelo vai pegar o vencedor do 16º; o segundo enfrenta o 15º; e assim por diante. Dessa forma, Atlético-MG e Botafogo podem se encontrar já na próxima fase. O sorteio definiu, também, outra informação importante. De agora em diante, decidirá os jogos em casa o clube que foi sorteado primeiro nesta segunda-feira. Por exemplo: o La Equidad (da Colômbia), que foi a primeira bolinha sorteada no evento, sempre jogará a segunda partida em casa caso avance de fase. Ao contrário do Macará, que foi a última e, portanto, decidirá invariavelmente fora. As datas, horários e locais dos confrontos ainda serão divulgados pela Conmebol. A final, em jogo único, está marcada para o dia 9 de novembro, em Assunção, no Paraguai. O sorteio se deu da seguinte maneira: os 32 times foram divididos em dois grupos. De um lado, os seis clubes de melhor desempenho na primeira fase e mais 10 que foram eliminados na Libertadores - destes, oito foram terceiros na fase de grupos e dois caíram no mata-mata prévio. Do outro lado, estavam as 16 equipes que avançaram na primeira fase da Sul-Americana. 

Pote 1: Palestino, Deportivo Lara, Sporting Cristal, Peñarol, Atlético-MG, Melgar, Tolima, Universidad Católica, Atlético Nacional, Caracas, Colón, Independiente, Macará, Botafogo, Santaní e Cerro. 
Pote 2: Fluminense, Corinthians, Liverpool, River Plate (URU), Wanderers, Deportivo Cali, La Equidad, Rionegro, Unión La Calera, Unión Española, Independiente Del Valle, Universidad Católica, Zulia, Royal Pari, Sol de América e Argentinos Juniors.
Por Martín Fernandez — Luque, Paraguai

Fonte: Globo Esporte

Libertadores terá três duelos Brasil x Argentina nas oitavas; veja todos os confrontos

13 de maio de 2019
A Conmebol sorteou na noite desta segunda-feira em sua sede, no Paraguai, os oito confrontos de oitavas de final da Copa Libertadores, que terão início só depois da Copa América. Os jogos de ida serão entre 23 a 25 de julho, enquanto a volta acontece de 30 de julho a 1º de agosto. São mais de dois meses, portanto, entre o fim da fase de grupos e o início das oitavas. Os destaques são os três duelos Brasil x Argentina logo de cara: Cruzeiro x River Plate, Palmeiras x Godoy Cruz e Athletico-PR x Boca Juniors – este último, uma repetição dos duelos da fase de grupos. Flamengo, Inter e Grêmio pegam Emelec, Nacional e Libertad, respectivamente. 

Os confrontos ficaram assim:
Palmeiras x Godoy Cruz-ARG 
Cruzeiro x River Plate-ARG
Internacional x Nacional-URU 
Cerro Porteño-PAR x San Lorenzo-ARG 
Libertad-PAR x Grêmio 
Boca Juniors-ARG x Athletico-PR 
Flamengo x Emelec-EQU 
Olimpia-PAR x LDU Quito-EQU 

Os times da esquerda, líderes de seus grupos, decidem a vaga em casa. A Conmebol também já definiu o chaveamento até a final: há possibilidades de Flamengo x Internacional e Palmeiras x Grêmio nas quartas de final, caso todos os brasileiros passem. O sorteio foi simples: os primeiros colocados foram inseridos no Pote 1, enquanto os segundos colocados foram para o Pote 2. Os cruzamentos foram sorteados um a um entre os integrantes dos dois potes – não houve restrição a nenhum confronto, nem mesmo com adversários do mesmo país ou que já se enfrentaram na fase de grupos. Havia, portanto, possibilidade de um clássico entre Grêmio x Inter, ou um Boca x River. Os dois encontros, porém, só podem acontecer em eventuais semifinais. Com a melhor campanha da primeira fase, o Palmeiras tem a possibilidade de decidir todos os confrontos em casa até as semifinais. A final será em jogo único, dia 23 de novembro, em Santiago, no Chile. 

Mudanças na lista
A Conmebol permite cinco alterações na lista de 30 jogadores dos clubes para as oitavas de final. Depois, são mais duas mudanças permitidas nas quartas, e outras duas nas semifinais. Para a grande final, nenhuma troca na lista será possível.

Fonte: Globo Esporte

Praça Dom Malan, no Centro de Petrolina, ganhará novo monumento nesta sexta-feira

13 de maio de 2019
Praça Dom Malan, no Centro de Petrolina. (Foto: Reprodução)
A Praça Dom Malan, no Centro de Petrolina, ganhará um novo monumento nesta sexta-feira (17). O ‘Dado da Paz’ é uma escultura feita por alunos do 1° ano do Ensino Fundamental do Colégio Diocesano Dom Bosco. Na ocasião também será realizado o plantio de 12 mudas na praça. O evento ocorrerá às 16h. Os projetos vivenciados pelos alunos foram norteados pelo tema da Campanha da Fraternidade desse ano: “Fraternidade e Políticas Públicas”, com o objetivo de desenvolver uma consciência mais ampla de que “o mundo é a nossa casa”.

Fonte: Blog do Carlos Britto

Para atender a Bolsonaro, equipe econômica deve incluir mudança no IR na reforma tributária

13 de maio de 2019
Para atender ao pedido do presidente Jair Bolsonaro, a equipe econômica deve incluir mudanças no Imposto de Renda de Pessoa Física na reforma tributária a ser proposta. Assessores do ministro da Economia, Paulo Guedes, analisarão como corrigir os valores da tabela do IR e compensar a perda de arrecadação com alterações em outros tributos ou renúncias fiscais (entenda mais abaixo como é a tabela). Sem compensações, a equipe econômica avalia que a correção da tabela terá pouco espaço para ser implementada em razão da crise fiscal, que ainda não foi equacionada e só será superada no médio prazo. Isto é, se a reforma da Previdência for aprovada; o programa de privatizações deslanchar; e o país voltar a crescer, aumentando as receitas da União. 

Impacto das mudanças
Cálculos preliminares apontam que uma correção da tabela do IR no próximo ano pela inflação de 2019, conforme pediu Bolsonaro, custaria algo entre R$ 6 bilhões e R$ 8 bilhões. A conta fica ainda mais alta se for cumprida a promessa de Bolsonaro de elevar a faixa de isenção para quem ganha até R$ 5 mil. Assim, a conta poderia bater perto dos R$ 50 bilhões. A primeira reação da equipe do ministro Paulo Guedes foi de considerar muito difícil atender ao pedido do presidente da República. Depois de reunião da equipe com o ministro, porém, o discurso foi o de que em algum momento o atual governo teria de fazer a correção da tabela. Sem correção, o desconto do Imposto de Renda acaba funcionando como um aumento de imposto e uma forma de o governo aumentar a arrecadação. A última vez que a tabela foi corrigida foi em 2015, no governo Dilma Rousseff. Entidades ligadas a auditores da Receita Federal calculam que a defasagem da tabela do IR desde 1996 supera 90%. Recuperar essa defasagem é algo fora de cogitação pela equipe atual, mas ela sabe que terá de atender o pedido presidencial. A melhor forma será corrigir a atual tabela pela inflação e buscar compensações em outros tributos, dentro de uma proposta de reforma tributária. Um assessor do presidente da República destaca que a correção será totalmente viável com a aprovação da reforma da Previdência, porque ela fará o país crescer novamente. Segundo ele, com isso a receita da União vai subir e o governo terá como bancar a perda de arrecadação com a medida considerada justa pelo Palácio do Planalto. 

Tabela do Imposto de Renda
Pela tabela atualmente em vigor, estão isentos do IR os contribuintes que recebem por mês até R$ 1.903,98, descontada a contribuição previdenciária. A partir desse valor, o imposto retido na fonte é calculado com base em alíquotas de 7,5%, 15%, 22,5% ou 27,5% sobre o valor dos rendimentos. Hoje, a alíquota de 27,5% é a mesma para todos os contribuintes que recebem mais de R$ 4.664,68.

Fonte: G1

General chavista se pronuncia contra Maduro e pede rebelião militar

13 de maio de 2019
Um general venezuelano pediu às Forças Armadas que se levantem contra o presidente Nicolás Maduro, que tem contado com o apoio dos militares para se manter no poder, apesar do grave colapso econômico no país. Ramón Rangel, que se identificou como general de divisão da Força Aérea, disse que o governo venezuelano está sendo controlado pela “ditadura comunista” de Cuba — um dos principais aliados de Maduro. “Temos que encontrar uma maneira de nos livrar do medo, sair às ruas, protestar e procurar uma união militar para mudar esse sistema político”, disse Rangel, vestido de terno e com uma cópia da Constituição na mão, em um vídeo postado no YouTube no domingo 12. “É hora de se levantar.” O militar pertenceu ao círculo próximo do ex-presidente Hugo Chávez e participou de uma tentativa de golpe ao lado do falecido líder em 1992. Desde 2012, Rangel trabalhava na criação de uma joint venture em Cuba. Segundo o venezuelano, esse tempo lhe permitiu observar de perto a realidade de uma sociedade submetida a uma ditadura que já dura 60 anos. “Os cubanos vivem sob uma pobreza que é atribuída às sanções [americanas] mas isso é falso, há um grupo comunista próximo a Castro que faz com que os recursos, que são muito, não cheguem à população”, explicou. Segundo a oposição venezuelana, a mesma técnica é usada contra a população no país, “semeando um psicoterrorismo”. Apesar de o pronunciamento de Rangel marcar outro golpe contra Maduro depois de uma série de deserções semelhantes de altos oficiais este ano, há pouco para indicar que o pronunciamento pode mudar o balanço de poder no país. Oficiais que abandonaram Maduro fugiram do país e os altos escalões militares –mais notavelmente aqueles que comandam as tropas– continuam a reconhecer Maduro como presidente. O Ministério da Informação não respondeu imediatamente a um pedido de comentário sobre as declarações de Rangel. O comandante da Força Aérea, Pedro Juliac, postou no domingo uma foto de Rangel no Twitter com as palavras “traidor do povo venezuelano e da revolução” impressas na imagem. Rangel era um oficial militar ativo que fugiu para a Colômbia no mês passado, segundo uma fonte próxima aos militares da Venezuela que pediu para não ser identificada. Ao contrário de outros oficiais que fizeram pronunciamentos semelhantes, Rangel não expressou apoio a Juan Guaidó — o líder da oposição que invocou a Constituição em janeiro para reivindicar a Presidência interina, argumentando que a reeleição de Maduro em 2018 foi uma fraude. Mais de 50 países, incluindo os Estados Unidos e a maioria das nações sul-americanas, consideram Guaidó o líder legítimo de Venezuela. Guaidó e um grupo de soldados convocaram as Forças Armadas em 30 de abril a abandonarem Maduro, mas os militares nunca se juntaram e o levante desmoronou. O governo chamou o evento de uma tentativa de golpe e acusou um grupo de 10 parlamentares da oposição de traição por participarem de comícios naquele dia. A Venezuela está sofrendo um colapso hiperinflacionário que alimentou um êxodo migratório de cerca de 3,5 milhões de pessoas nos últimos três anos.
Fonte: MSN Notícias/Reuters

Homem é preso suspeito de estuprar e matar menina de 10 anos em São Paulo

13 de maio de 2019
Na manhã desta segunda-feira (13), uma menina de 10 anos, identificada como Ayshila Vitória, foi encontrada morta e sem roupa na casa onde vivia com a mãe e a irmã, de 5 anos. O caso aconteceu no bairro Ipiranga, zona Norte de Ribeirão Preto (SP). O suspeito Reginaldo Gomes, que é ex-padrasto da vítima, foi preso momentos depois com várias lesões e fraturas pelo corpo. De acordo com informações do G1 São Paulo, Reginaldo confessou para polícia que matou a criança, mas negou ter tido relações sexuais. Reginaldo Gomes estava separado da mãe da vítima há um ano. 

Caso
Em depoimento a polícia, a mãe de Ayshila contou que estava com as filhas em um festa no domingo (12) e que depois do evento o avô das crianças ficou responsável por levá-las para casa. Ainda segundo informações do G1 SP, Renata Gomes afirmou que as filhas passariam a noite com uma amiga e que ela foi para o trabalho logo depois do evento. "Eu liguei por volta das 20h, está até registrado no telefone, e falei com a minha filha [Ayshila]. Eu não perguntei se a minha amiga estava. Eu perguntei está tudo bem aí, filha? 'Mãe, tá tudo bem aqui'. Foi isso que ela falou para mim", contou Renata em entrevista ao G1. A mãe da vítima só se deu conta do crime quando voltou do trabalho pela manhã. "Eu cheguei aqui, vi minha filha morta e eu fui atrás da outra. Eu pensei que ela também estava morta, mas ela estava no quarto, tinha acabado de acordar. Ela assustou com os meus gritos e eu perguntei quem entrou aqui. Ela falou o Reginaldo, que é o pai dela", explicou Renata. Renata também afirmou que estava separada de Reginaldo há um ano, porque o ex-parceiro é usuário de drogas, e que as meninas não tinham o hábito de ficar sozinhas em casa. Segundo as primeiras informações da PM, Ayshila foi morta com três facada no pescoço. 

Prisão
O suspeito pela morte da menina foi encontrado após a PM receber uma denúncia que havia um homem caído na Avenida Independência, na Zona Sul da cidade. De acordo com o G1 SP, durante o resgate, os policiais descobriram que era Reginaldo Gomes. Ele estava com várias lesões e fraturas pelo corpo, mas não se lembrava de ter caído. Em entrevista ao G1 SP, o sargento da PM Ricardo Aurélio Maschietto explicou como aconteceu o crime. O suspeito chegou à casa, que estava com o cadeado aberto, e encontrou a vítima acordada. Eles brigaram. "Em determinado momento, ele pegou a faca e desferiu três facadas na maior. Posteriormente, quando ele viu que matou a criança, ele tirou a roupa dela e enrolou em um tapete no intuito de dispensar o corpo. Foi por isso que ele falou que tirou a roupa da criança. As duas crianças estavam sozinhas". O sargento também disse que Reginaldo revelou que tinha usado drogas e só desistiu de esconder o corpo da enteada porque ouviu o barulho de pessoas se aproximando da residência.

Fonte: iBahia

Juíza autoriza Temer no quartel

13 de maio de 2019
A juíza Caroline Figueiredo, da 7.ª Vara Criminal Federal do Rio, autorizou nesta segunda (13), a transferência do ex-presidente Michel Temer para uma sala de Estado Maior do Comando de Policiamento de Choque da Polícia Militar de São Paulo. Temer está preso desde quinta (09), na sede da Polícia Federal, no bairro da Lapa, mas sua defesa vinha insistindo na transferência sob alegação que é um direito constitucional do ex-presidente. A juíza determinou que a condução de Temer deve ser feita pela Polícia Federal e chama atenção para o uso de algemas. O ex-presidente pode ser transferido a qualquer momento. Ele foi preso por ordem do Tribunal Regional Federal da 2.ª Região (TRF-2). Na quarta (08), por dois votos a um, a Corte cassou liminar do desembargador Ivan Athié e acolheu recurso do Ministério Público Federal restabelecendo decreto de prisão preventiva do emedebista e também de seu antigo aliado, o coronel reformado da PM paulista João Baptista Lima Filho, o coronel Lima, que está no Presídio Militar Romão Gomes, zona Norte da capital. Temer é acusado de liderar organização criminosa que teria agido durante 30 anos e desviado R$ 1,8 billhão em contratos do setor público - crimes que ele nega enfaticamente. Coronel Lima seria seu 'operador financeiro', sustenta a força-tarefa da Operação Lava Jato no Rio. Na sede da PF em São Paulo, onde se apresentou na tarde de quinta (09), Temer ocupou inicialmente uma sala de reuniões sem banheiro no 9.º andar, próximo ao gabinete do superintendente regional da corporação. Na sexta (10), o ex-presidente passou para uma sala no 10º andar. Sua rotina na prisão compreende leitura dos jornais do dia e livros que levou na bagagem quando se entregou. A expectativa de Temer se concentra agora na sessão desta terça (14), da Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça, que vai julgar seu pedido de habeas corpus. O criminalista Eduardo Carnelós, defensor do emedebista, sustenta que a prisão 'é injusta e cruel'.

Fonte: MSN Notícias

Diabetes: veja como a maçã e a canela podem ajudar no controle da doença

12 de maio de 2019
Segundo dados do Ministério da Saúde, o número de brasileiros com diabetes aumentou quase 61,8% entre 2006 e 2016. Pessoas com a doença precisam controlar a alimentação para evitar picos de açúcar no sangue. Mas é possível equilibrar a doença com a ajuda de medicamentos adequados, exercícios e plano alimentar. Ao 'Viva Bem', do site UOL, a nutricionista Maristela Bassi Strufaldi, coordenadora do Departamento de Nutrição da SBD (Sociedade Brasileira de Diabetes); Renato Zilli, endocrinologista do Hospital Sírio Libanês (SP) e Rosângela Augusto, nutricionista do Cejam (Centro de Estudos e Pesquisas Dr. João Amorim), falam sobre como aprimorar a alimentação de quem tem diabetes. 

Cardápio: 

Canela
Auxilia no controle glicêmico, que é responsável por regular os níveis de glicose no sangue, impedindo a rápida liberação de grandes quantidades açúcar (hiperglicemia). Pode ser usado sem exageros nas refeições. 

Maçã
Algumas fibras solúveis da fruta, como a pectina, possuem uma resposta bastante interessante ao modificar a carga glicêmica da refeição, promovendo uma absorção mais gradativa da glicose. Além disso, a pectina ajuda a prolongar a sensação de saciedade e regula o intestino. 
Imagem: Google

Fonte: iBahia