Top de Linha

sábado, 4 de julho de 2015

EPTTC atende estudantes e vai instalar semáforo próximo à Facape

03 de Julho de 2015
Depois de solicitações de alunos e de alguns acidentes nas proximidades do Campus Universitário da Faculdade de Ciências Sociais e Aplicadas de Petrolina (Facape), os estudantes da instituição fizeram solicitações à Empresa Petrolinense de Trânsito e Transporte Coletivo (EPTTC) para tomar providências a respeito. Segundo Fernando Silva, aluno da Facape, parece que os apelos dos estudantes foram ouvidos e nesta sexta-feira, dia 3, ele escutou a confirmação de Paulo Valgueiro, diretor-presidente da EPTTC, que daqui a dois meses será instalado um semáforo próximo à instituição de ensino superior. “E com muita alegria que vejo o executivo municipal dá atenção a esse pleito, que vem sendo pedido por muitos, pois e de fundamental importância esse semáforo para garantir nossa segurança, onde as vezes acontece acidentes nos horários de pico nas redondezas das faculdades”, disse Fernando, referindo-se também aos alunos que frequentam a UPE em Petrolina, localizada na mesma área da Facape. 

Fonte: Blog do Banana

PIS divulgar novo calendário para pagamentos

03 de Julho de 2015
O Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) aprovou ontem novo calendário para pagamento do PIS. Agora o abono e o rendimento serão pagos em duas etapas. Metade sairá esse ano e a outra em 2016. A mudança ocorreu depois de pedido do Governo, que quer economizar R$ 9 bilhões este ano com o pagamento do benefício. Até agora, o PIS era liberado em lotes entre julho e novembro, conforme a data de nascimento do trabalhador. Quem não retirasse a quantia, poderia sacá-la até o dia 30 de junho do ano seguinte. Agora, para receber o benefício será preciso cumprir nova tabela, que ficou mais extensa. Vale ressaltar que a maioria sacava o benefício até o final do ano. 

Fonte Cubape

Carreteiro petrolinense morre em acidente em Minas Gerais

03 de Julho de 2015
Morreu no início da noite de ontem (02) na Serra Francisco de Sá próximo à Montes Claros, em Minas Geais, o carreteiro petrolinense Clóvis Evangelista de Brito. Segundo informações de famílias a causa do acidente são desconhecidas.O copo de Clóvis deve chegar a Petrolina nessa madrugada e vai ser velado no SAF na Avenida das Nações. O horário do sepultamento ainda não tem horário definido.  

Fonte: Blog do Banana

Em menos de duas horas, PRF flagra mais de 330 veículos em alta velocidade na Ponte Presidente Dutra

03 de Julho de 2015
A Polícia Rodoviária Federal efetuou uma operação com radar ontem (02) na Ponte Presidente Dutra, entre os quilômetros 129 e 130 da BR-407. Em menos de duas horas, 333 motoristas foram flagrados excedendo a velocidade permitida para o local. Alguns flagrantes, de acordo com a PRF, mostram veículos com o dobro da velocidade máxima permitida para o sentido que foi fiscalizado, que é de 50 km/h. O ponto da fiscalização, divisa entre as cidades Petrolina-PE e Juazeiro-BA, é considerado crítico devido ao alto índice de acidentes. Para coibir os acidentes, a fiscalização com radar será intensificada. Quem for flagrado em velocidade 20% acima do permitido, recebe multa média de R$ 83,00 e quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Essa multa pode variar dependendo da velocidade em que o veículo esteja. Se o condutor atingir a velocidade entre 20% a 50%, a multa é considerada grave, devendo pagar R$ 127,00. Ele também perderá cinco pontos negativos. Acima de 50%, a infração é gravíssima, o motorista fica com sete pontos negativos na CNH e paga multa no valor de R$ 574,00. 
Foto: Divulgação

Fonte: Blog do Carlos Britto

Petrolina vai receber a chama olímpica em 2016

03 de Julho de 2015
Petrolina está confirmada no Revezamento da Tocha Olímpica Rio 2016. O Comitê Organizador dos Jogos anunciou em Brasília nesta sexta-feira, 3 de julho, a lista das primeiras 82 cidades que integrarão a jornada da tocha pelo país. As 82 cidades anunciadas indicam os destinos finais da tocha Olímpica Rio 2016, para cada dia do Revezamento, com exceção dos dias em que houver paradas técnicas ou momentos especiais de imagem. Também foi confirmado que a jornada da Tocha Olímpica no Brasil começará em data ainda a ser decidida, entre abril e maio de 2016. “Receber a Tocha Olímpica em Petrolina é como receber um pedaço dos Jogos Olímpicos. Nossa cidade encherá as ruas para celebrar esse símbolo tão tradicional e festejar as histórias exemplares dos nossos cidadãos que a conduzirão. Essa é mais uma conquista de Petrolina, alcançada através de esforços do prefeito, Julio Lossio”, considera o secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão, Geraldo Junior, que participou da cerimonia de anuncio, em Brasília, representando o gestor municipal. O Revezamento da Tocha Olímpica Rio 2016 vai durar entre 90 e 100 dias após a tradicional cerimônia de acendimento da chama Olímpica na cidade grega de Olímpia, berço dos Jogos da Antiguidade. Serão em torno de 12.000 condutores da tocha e a chama percorrerá cerca de 20.000 quilômetros por estradas e ruas brasileiras e 10.000 milhas aéreas. A passagem da Tocha Olímpica pelas cidades brasileiras se encerrará no dia 5 de agosto de 2016, quando o último condutor da tocha acenderá a Pira Olímpica durante a cerimônia de abertura dos Jogos, no Estádio do Maracanã. Os destinos finais para cada dia foram escolhidos para que a rota pudesse atingir o maior número possível de brasileiros dentro da duração estimada do Revezamento. A lista completa das cidades que receberão o Revezamento será revelada no início do ano que vem. Esse encontro da tradicional Tocha Olímpica com o calor humano do povo brasileiro vai alcançar em torno de 90% da população do país em cerca de 300 cidades de todos os 26 estados do Brasil, além do Distrito Federal. Ao longo dos próximos dois meses, o Comitê Organizador dos Jogos e os Patrocinadores Oficiais do Revezamento da Tocha Olímpica Rio 2016, Coca-Cola, Nissan e Bradesco, anunciarão suas campanhas públicas para selecionar em todo o Brasil aqueles que terão o privilégio de conduzir a Chama Olímpica. 
Ascom PMP

Fonte: Blog Diniz K-9

Pronatec ofertará quase 1.200 vagas em mais de 50 cursos em Petrolina

03 de Julho de 2015
O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) oferecerá 1.194 vagas em 55 novos cursos ainda este ano em Petrolina. A informação foi confirmada nesta sexta-feira (03), durante reunião com representantes da Secretaria de Cidadania e Secretaria Executiva de Juventude e Qualificação Profissional. De acordo com a assessoria de comunicação da prefeitura, as vagas serão oferecidas para todos que têm o Numero de Inscrição Social (NIS). Essas vagas, segundo a Secretaria de Juventude e Qualificação Profissional, serão abertas na segunda quinzena do mês de agosto próximo. As aulas serão ministradas nas unidades do Sistema ‘S’ (Sest/Senat, Senac, Senai).

Fonte: Blog do Carlos Britto

Na Alepe, deputado pede em projeto que viaturas da Polícia ganhem vidros blindados

03 de Julho de 2015
O deputado Augusto Cesar (PTB) apresentou projeto de lei que determina que os veículos de operação da Polícia Militar, Polícia Civil e Bombeiros Militar do Estado de Pernambuco, deverão possuir, até o dia 1º de janeiro de 2019, no mínimo, o pára-brisa blindado em suas viaturas de policiamento ostensivo, patrulhamento e policiamento investigativo.

Fonte: Blog do Benjamin Leite

Operação policial apreende quase 4kg de crack em Petrolina

03 de Julho de 2015
Um casal foi preso ontem (02) com cerca de 4 kg de crack no Bairro Ouro Preto, em Petrolina. Policiais militares da Companhia Independente de Operações e Sobrevivência em Área de Caatinga (CIOSAC) e do Núcleo de Inteligência do Sertão 4 (NIS-4/5º BPM) realizaram a prisão. Segundo informações, a operação iniciou-se na última quarta-feira (1º), quando a polícia iniciou o monitoramento de T.M.S., fugitivo da Penitenciária Dr. Edvaldo Gomes. Ele é acusado de tráfico, assaltos e homicídio. Com o decorrer das investigações, a Polícia conseguiu interceptar uma entrega de drogas que seria feita a T.M.S. pelo mototaxista C.P.R., que levava em sua moto uma mulher identificada como A.S.S.. De acordo com a Polícia, a mulher aguardava a chegada de T.M.S., que dirigia um carro e acabou fugindo. No momento da prisão a mulher estava com 3,578 kg de crack, mas em sua residência os policiais encontraram mais uma quantidade da droga, que somada a que já havia sido apreendida totalizou aproximadamente 4 kg de crack. O homem e a mulher foram presos e encaminhados à Delegacia de Polícia Federal em Juazeiro-BA. O comprador da droga continua sendo procurado. 

Fonte: Blog Diniz K-9

Ajuste fiscal 'é ponte' para nova estratégia de desenvolvimento, diz ministro

02 de Julho de 2015
O ministro da Secretaria de Assuntos Estratégicos, Mangabeira Unger, disse nesta quinta-feira (02) que o ajuste fiscal promovido pelo governo “é uma ponte” para nova estratégia de desenvolvimento do país. Ele participou da reunião da Comissão Geral da Câmara que está promovendo uma série de encontros com ministros para debater as políticas governamentais. Mangabeira defendeu a necessidade do ajuste fiscal para o resgate da confiança financeira dos investidores e, por consequência, a retomada do crescimento da economia. Além disso, destacou que as medidas promovidas pelo governo não devem ser vistas “como um simples ajuste de contas”, mas a transição para uma nova estratégia de desenvolvimento. “Construir uma estratégia de desenvolvimento nacional não é apenas formular um plano de governo, mas trabalhar por um projeto de Estado capaz de sobreviver a um governo que esteja momentaneamente no poder”, ressaltou o ministro. Aos deputados, Mangabeira Unger defendeu a criação de uma nova estratégia “rebelde” de desenvolvimento com ênfase nas políticas de fortalecimento de capacitação e na ampliação das oportunidades. Ele defendeu “o sacrifício social” exigido pelas medidas de austeridade fiscal. A seu ver, a política econômica atual é uma condição para que o governo crie oportunidades de desenvolvimento, especialmente na educação e na produção. O ministro ressaltou que as políticas fiscais terão que forçar a baixa da taxa de juros uma vez que o momento econômico é de queda da oferta e da demanda. “O juro elevado não deve ser o principal instrumento de combate a inflação. Para isso, o instrumento deve ser a expansão da oferta”, argumentou Mangabeira Unger. Ele defendeu a manutenção do câmbio flutuante, a importação de altas tecnologias e a exportação de produtos com maior valor agregado. Segundo Mangabeira, parte dos problemas produtivos do país é explicado pelas mudanças recentes no cenário econômico mundial. Nos últimos anos, destacou, o desenvolvimento brasileiro teve um momento de estímulo do consumo e o aumento da renda popular. “A segunda fase foi a produção e exportação de commodities, produtos primários pouco transformados, aproveitando a riqueza da natureza brasileira, a agricultura e a mineração”. Essas políticas fizeram com que a maioria dos brasileiros passassem a depender “da abundância de dinheiro no mundo” decorrente do crescimento da China e da alta dos preços de produtos primários. A partir do momento em que o cenário da economia mundial mudou, o setor produtivo brasileiro passou a enfrentar problemas, explicou. 

Fonte: Agência Brasil

Polícia Federal inicia 15ª fase da Lava Jato com prisão de ex-diretor da Petrobras

02 de Julho de 2015

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (02) a 15ª fase da Operação Lava Jato, denominada Operação Mônaco. O foco nessas investigações é o recebimento de vantagens ilícitas no âmbito da Diretoria Internacional da Petrobras. A Operação Mônaco já levou à prisão do ex-diretor da área Jorge Zelada, citado por delatores presos nas fases anteriores da operação. Ele será transferido para a sede da Polícia Federal, em Curitiba. No Rio de Janeiro, policiais federais cumprem quatro mandados de busca e apreensão – três na capital e um em Niterói, no Grande Rio –, além de um mandado de prisão preventiva também na capital. Segundo informações da Polícia Federal, os investigados responderão pelos crimes de corrupção, fraude em licitações, desvio de verbas públicas, evasão de divisas e lavagem de dinheiro. O preso será levado inicialmente para a carceragem da Polícia Federal, no Rio de Janeiro, e seguirá para a Superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR), onde permanecerá à disposição da Justiça Federal. O ex-diretor da Petrobras foi detido em sua casa. Ele será levado para a capital paranaense até o fim da tarde desta quinta-feira. Jorge Zelada foi citado como um dos beneficiários do esquema de corrupção na estatal por pelo menos dois ex-dirigentes da companhia que estão colaborando com as investigações em troca da delação premiada: Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento e Refino, um dos principais envolvidos, e Pedro Barusco, ex-gerente de serviços da Petrobras.

Fonte: Agência Brasil

No ‘vermelho’, presidente do Salgueiro oficializa pedido de saída do clube da Série C do brasileirão

02 de Julho de 2015

O Salgueiro oficializou nesta quinta-feira (02) o pedido de saída da Série C do Campeonato Brasileiro. Alegando que não tem condições de arcar com as despesas do clube, o presidente do Carcará do Sertão, Clebel Cordeiro, entregou ao presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), Evandro Carvalho, documento para ser repassado à Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Segundo Cleber, Evandro ficou de segurar o documento até a próxima segunda-feira (06) para tentar achar uma solução. O planejamento do Salgueiro foi prejudicado com o fim do programa estadual Todos com a Nota (TCN), que garantia cerca de 80% da sua folha salarial. De acordo com Clebel, o clube precisa mensalmente de cerca de R$ 180 a R$ 200 mil mensais para sobreviver na Série C, valor que corresponde ao que receberia com o TCN. O presidente do Carcará também disse saber da possível punição de dois anos sem atuar em competições estaduais e nacionais pela desistência, mas revelou “não ter o que fazer”. “Vou fazer o quê? Passei esses anos disputando a trancos e barrancos. Agora não tenho condição nenhuma de continuar desse jeito”, finalizou Clebel. A reportagem tentou contato com Evandro Carvalho, mas não obteve sucesso. 
Foto: Alexandre Gondim

Fonte: JC Online

Mais um homicídio é registrado em Juazeiro-BA

02 de Julho de 2015
Por volta das 15h00 desta quinta-feira (02), Michel Bruno Gomes da Costa, de 19 anos, vulgo “Buchada”, residente à Rua da Primavera, em Juazeiro-BA, segundo informações policiais, foi assassinado na Avenida Principal do Bairro Quidé com vários disparos de arma de fogo. A Polícia Técnica se fez presente ao local e após os procedimentos conduziu o corpo para o IML. A Polícia ainda não tem informações a motivação e autoria do crime. 

Fonte: Blog Diniz K-9

Homem é morto a tiros em frente ao Hospital Regional de Juazeiro-BA

02 de Julho de 2015
Por volta da 00h00 desta quinta-feira (02), de acordo com informações de populares, um homem foi alvejado com vários disparos de arma de fogo em frente ao Hospital Regional de Juazeiro-BA. O jovem conhecido popularmente por "Zig Marley" foi socorrido para o Hospital Universitário em Petrolina-PE mas não resistiu aos ferimentos vindo a óbito. A vítima já havia sofrido uma tentativa de homicídio na Praça da Paz, no Bairro Santo Antônio. 

Fonte: Blog Diniz K-9

sexta-feira, 3 de julho de 2015

Aluno de 16 anos agride diretora de escola com socos e golpes de caneta em Aracaju-SE

02 de Julho de 2015
Um aluno de 16 anos agrediu na tarde desta quinta-feira (02), na Escola Estadual Senador Lourival Fontes, localizado no Bairro Santo Antônio, em Aracaju-SE, a diretora identificada como Carla Valéria de Oliveira. Os estudantes teriam realizado um ato de vandalismo na instituição e o menor agrediu a vítima com socos e golpes de caneta na nuca e no rosto. A polícia foi acionada e encaminhou o adolescente para a Delegacia de Menores. Já Carla foi levada pelo o Serviço Móvel de Urgência (SAMU) para o Hospital Zona Norte Doutor Nestor Piva, onde precisou receber pontos no couro cabeludo. A mãe da professora, que deu entrevista para o Jornal da Ilha, foi informada que o menor saiu falando "já matei ela". Os funcionários que trabalham no colégio afirmaram ainda que ele só parou de bater quando achou que ela tinha morrido. Muito abalada, a professora disse ao programa Cidade Alerta Sergipe que os alunos utilizam o banheiro da escola para se drogarem.

Fonte: Jornal de Sergipe

Novo Land Rover pode ser manobrado por controle remoto

02 de Julho de 2015
Manobrar ou estacionar o carro em um lugar difícil pode ser uma experiência estressante para qualquer motorista. Por isso, a Jaguar Land Rover anunciou que está testando no novo Range Rover Sport um sistema de controle remoto para automóveis. Por meio de um aplicativo para smartphone, o usuário pode tirar o carro de vagas apertadas enquanto observa de fora. Também pode deixar o veículo para manobrá-lo mais facilmente em um ambiente off-road, por exemplo. O sistema só funciona a distâncias de no máximo 10 m. A velocidade de operação é de no máximo 6 km/h. Confira, em vídeo, como ele funciona.
Fonte: Revista Istoé

quinta-feira, 2 de julho de 2015

Mulher mata grávida, corta barriga e rouba o bebê em Minas Gerais

02 de Julho de 2015
Parentes e amigos de Patrícia Xavier da Silva, de 21 anos, procuram explicações para a brutalidade do crime que tirou a vida da funcionária de uma fábrica de laticínios em Ponte Nova, município de 57 mil habitantes, na Zona da Mata em Minas Gerais. A população está chocada, sem acreditar que a jovem, grávida de nove meses, foi morta com golpes de madeira e passou, desacordada, por um parto extremamente traumático, com cortes de gilete na barriga, e teve o filho roubado. Essas foram as condições a que Patrícia foi submetida, segundo Gilmária Silva Patrocínio, de 33 anos, presa nessa quarta-feira (01) pela Polícia Civil. Ela confessou o crime aos delegados e investigadores e fez a reconstituição. A trama macabra de Gilmária foi descoberta quando a polícia recebeu informação de que uma mulher tinha dado entrada no hospital da cidade afirmando que teria dado à luz em casa, mas sem sinais de parto recente. Gilmária, que trabalha como cuidadora de idosos, apresentou várias versões, até admitir que premeditou o crime para ficar com o bebê. Ela alegou à polícia que temia ser abandonada pelo marido caso não tivesse um filho com ele. “A autora diz que simulou uma gravidez e, sendo assim, uma hora a criança tinha que nascer. Ela inventou uma história de que tinha roupas de bebê e um berço para doação, conquistando a confiança da vítima. de quem já era conhecida”, informou o delegado Silvério Rocha Aguiar. Segundo ele, Gilmária já conhecia Patrícia, inclusive, chegou a colocar piercing no umbigo dela e de uma irmã. O policial disse que Gilmária, ao chegar com Patrícia ao terreno onde pretendia praticar o crime, inventou outra história, dessa vez para encorajar a vítima a entrar no lote. “Já dentro da cena do crime, ela conta que se armou com um pedaço de madeira de uma cama desmontada e atacou Patrícia. Depois, a prendeu com uma caixa d’água vazia e desceu até a construção. Com o pedaço de madeira deu outro golpe no pescoço, causando hemorragia”, disse o delegado. Os golpes finais foram duas incisões na barriga e no útero com lâminas de gilete para retirar a criança, colocá-la em um pano e uma caixa e seguir a pé até encontrar um táxi e ir para casa, de onde ligou para os bombeiros, que cortaram o cordão umbilical e a levaram ao hospital. 

Reconstituição 
Depois da prisão de Gilmária e de um andarilho que morava no local onde o corpo de Patrícia foi encontrado, a polícia fez a reconstituição. O terreno abriga uma antiga lavanderia, no Bairro Vale Verde, mais afastado do Centro de Ponte Nova. Para chegar ao andarilho Herly Marçal, de 39, que já tem passagem na polícia por furto, os investigadores encontraram um cupom fiscal de um supermercado da cidade e o identificaram pelas câmeras de segurança do estabelecimento. Ele nega participação no crime. A polícia também refez os últimos passos de Patrícia e descobriu, por meio de um cartão de ônibus, que ela havia ido ao Bairro Vale Verde. Testemunhas contaram que viram Patrícia na companhia de uma mulher com as características de Gilmária na região do crime. Na entrada do terreno abandonado, parentes, amigos e moradores da cidade se juntaram esperando respostas, enquanto acontecia a reconstituição. O namorado de Patrícia, Leandro Carlos Gomes Dias, de 30 anos, que trabalha como auxiliar de manutenção, disse que a namorada saiu de casa na sexta-feira para uma consulta de rotina do seu pré-natal e não deu mais notícias: “Quando acordei, ela já tinha saído e depois não consegui mais contato. Inicialmente, imaginei que o celular tivesse descarregado”. A Justiça de Ponte Nova decretou a prisão temporária de Marçal por 30 dias. A polícia aguarda agora a mesma decisão para Gilmária. O marido da assassina confessa foi ouvido e liberado, mas sua participação no crime bárbaro ainda não está descartada pela polícia. 

Crueldade abala moradores
A brutalidade cometida com a jovem Patrícia Xavier dominou a roda de conversas em Ponte Nova, ontem. Nas bancas de jornais, restaurantes, pontos de táxi e em qualquer esquina, as pessoas estavam perplexas com a crueldade. “Foi muito assustador pelo tamanho da violência que fizeram com ela. O que mais me assusta é que ela poderia estar viva quando a mulher cortou a barriga para tirar o neném”, lamentou Fabiana Costa, de 22 anos, que está desempregada. Caminhando com o filho de 2 anos no colo, ela disse que se lembrou de sua própria gravidez: “Eu me coloquei no lugar da Patrícia e pensei que poderia ter sido eu a vítima. Ninguém consegue acreditar nessa barbaridade”. O eletricitário Giovani Roncali Alves, de 43, afirmou que é difícil imaginar um crime com tamanha crueldade. “Aqui em Ponte Nova, estamos acostumados com crimes motivados por drogas. Essa história está muito esquisita”. Na Escola Estadual Coronel Cantídio Drumond, que fica em frente à Delegacia de Ponte Nova, as professoras Lucimar Maia, de 45, e Andréa Almeida, de 43, liberaram os alunos mais cedo, para evitar aglomeração na porta da delegacia na saída dos alunos. “A gravidez é quase sagrada. (O crime) é uma violação que ultrapassa qualquer limite de direitos humanos”, protestou Lucimar. “Ponte Nova está completamente chocada; essa situação diminui muito o ser humano”, acrescentou Andréa. 

Casa montada para receber o bebê
Há exatamente uma semana, um sentimento de alegria estava espalhado pela casa da empregada doméstica Ivânia Xavier da Silva Gonzaga, de 37 anos, moradora do Bairro Cidade Nova, em Ponte Nova. Primogênita de seus cinco filhos (três mulheres e dois homens), Patrícia ajudava a preparar os docinhos para comemorar o aniversário de um ano da primeira neta de Ivânia, filha de de sua irmã. Na cabeça da jovem, certamente aquele momento se repetiria em breve, pois o pequeno Bernardo já estava em sua barriga com nove meses. Com a casa toda montada aguardando a chegada do bebê, o namorado de Patrícia, Leandro Carlos Gomes Dias, de 30 anos, auxiliar de manutenção, afirma que está dividido por um sentimento de tristeza pela perda da companheira, mas de alívio por saber que a criança foi resgatada e está bem. “Só tenho lembrança boa da Patrícia. Mulher tranquila companheira, carinhosa, não dormia sem colocar a perna em cima de mim. Falava que queria tirar carteira de moto e viajar para BH”, contou. Revoltada, uma tia da jovem não acreditava na tragédia. “Acabou a nossa vida. Como alguém pode fazer isso com quem nunca fez nada de mal para ninguém? Ela guardava uma máquina fotográfica na bolsa, para não perder a foto do primeiro dia de Bernardo, que estava quase nascendo”, desabafou Flávia Xavier da Silva, de 33. 

Entrevista: Ivânia Xavier, de 37 anos, mãe de Patrícia, pretende criar o neto

Como era Patrícia como filha? 
Era uma ótima filha, muito companheira. Ela queria reformar a casa, viver com o neném, construir uma família. Quando completou 18 anos, correu atrás de um emprego. Era uma menina cheia de sonhos, pronta para começar uma vida. 
A senhora pretende criar a criança? 
Sim, quero que ele fique comigo. Quero dar todo o amor possível para o meu neto, porque a minha filha foi tomada de mim. O que eu não pude fazer para ela, vou fazer para ele. Quero que fique esse pedaço, porque o outro já levaram. 
Por que a senhora acha que sua filha foi vítima dessa barbaridade? 
Não consigo pensar em nada que possa explicar uma coisa dessas. Quero escutar essa mulher falando porque fez isso, já que ela também tem filhos. Espero que a Justiça de Deus seja feita. 

Fonte: em.com

Deputados de 7 partidos decidem ir ao STF contra redução da maioridade

02 de Julho de 2015
Derrotados em plenário após manobra articulada pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), deputados do PT e de outros seis partidos decidiram protocolar no início da próxima semana um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF). Eles querem que seja anulada a votação da proposta de emenda à Constituição que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos no caso de crimes contra vida. Segundo o vice-líder do partido na Câmara, deputado Alessandro Molon (RJ), a ação está sendo elaborada, e os petistas estão em conversas com outras legendas para obter adesões. “Vamos entrar com o mandado de segurança contra o presidente da Câmara pela violação frontal da Constituição Federal. Vamos questionar o procedimento que ele tem adotado de fazer quantas votações forem necessárias para aprovar as propostas que lhe interessam”, disse Molon.

Fonte: G1

Câmara aprova em 1º turno nova proposta para reduzir maioridade

02 de Julho de 2015
Após polêmica sobre a validade da votação e com as galerias do plenário vazias, a Câmara dos Deputados aprovou na madrugada desta quinta-feira (02) proposta de emenda à Constituição (PEC) que reduz de 18 para 16 anos a maioridade penal para crimes hediondos, homicídio doloso, e lesão corporal seguida de morte. O texto ainda precisa ser votado em segundo turno antes de seguir para o Senado. A aprovação se deu com 323 votos favoráveis, 155 contrários e 2 abstenções. Eram necessários ao menos 308 votos a favor para a matéria seguir tramitando. De acordo com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a votação em segundo turno deverá ocorrer após o recesso parlamentar de julho, já que é preciso cumprir prazo de cinco sessões antes da próxima votação. Pelo texto, os jovens de 16 e 17 anos terão que cumprir a pena em estabelecimento penal separado dos menores de 16 e maiores de 18. Ao final da votação, deputados seguraram cartazes na tribuna em defesa da proposta e comemoraram com gritos em plenário. A aprovação da proposta ocorre depois de a Casa derrubar, na madrugada de quarta-feira, texto semelhante, que estabelecia a redução casos de crimes cometidos com violência ou grave ameaça, crimes hediondos (como estupro), homicídio doloso, lesão corporal grave ou lesão corporal seguida de morte, tráfico de drogas e roubo qualificado. Após a rejeição na noite anterior, Cunha afirmou que a Casa ainda teria que votar o texto principal, mas ressaltou que isso só ocorreria após o recesso parlamentar de julho. No entanto, após reunião com parlamentares favoráveis à redução da maioridade penal, ele decidiu retomar a análise do tema nesta quarta (1º) para apreciar um texto parecido com a proposta rejeitada. Jovens da União Nacional dos Estudantes (UNE) e da União Nacional dos Estudantes Secundaristas (UNBES) não esperavam a retomada da votação e, por isso, não conseguiram fazer protestos como os mobilizados na noite anterior. Cunha também não permitiu a entrada dos poucos estudantes que foram à Câmara para defender a derrubada da proposta, alegando que os manifestantes fizeram tumulto na noite anterior. A decisão do presidente da Câmara de votar um texto semelhante ao derrotado de madrugada também gerou bate-boca e questionamentos por parte de deputados contrários ao texto, mas o peemedebista conseguiu prosseguir com a votação. Durante a sessão, deputados do PT, do PSOL e do PCdoB defenderam a derrubada da PEC. O governo defende alterar o Estatuto da Criança e do Adolescente e ampliar o tempo máximo de internação de 3 para 8 anos. “Todos nós queremos resolver a questão da violência, da criminalidade, queremos evitar que crimes bárbaros terminem. Mas precisamos, de forma madura e responsável, encontrar qual a alternativa real para resolver o problema. E a alternativa real é alterarmos o Estatuto da Criança e do Adolescente. Os efeitos colaterais dessa redução da maioridade penal são maiores que os alegados benefícios”, disse o deputado Henrique Fontana (PT-RS). O líder do governo, deputado José Guimarães (PT-CE), também discursou contra a proposta. “Não queremos jovem infrator na rua, mas queremos lugares decentes para que eles sejam punidos. Mas não dá para misturar os jovens com bandidos de alta periculosidade. O que está em jogo é o futuro dessas gerações. É um retrocesso se aprovarmos essas emendas”, afirmou. Já parlamentares favoráveis à redução da maioridade penal argumentaram que a PEC não soluciona o problema da violência, mas reduz o sentimento de “impunidade”. "Nós sabemos que a redução da maioridade penal não é a solução, mas ela vai pelo menos impor limites. Não podemos permitir que pessoas de bem, que pagam impostos, sejam vítimas desses marginais disfarçados de menores", discursou o líder do PSC, André Moura (SE). O líder do PMDB, Leonardo Picciani (RJ), um dos articuladores da votação nesta quarta, também defendeu a redução da maioridade penal. "O PMDB afrma a sua posição de maioria pela redução da maioridade penal, nos crimes especificados. Achamos que a proposta é equilibrada, ela é restrita", disse. “A sociedade não aceita mais a impunidade e não deseja mais sentir o medo, o pavor e o receio que vem sentido no dia a dia.” 

Emenda apresentada na quarta
A proposta derrubada nesta quarta é produto de uma emenda aglutinativa – texto produzido a partir de trechos de propostas de emenda à Constituição apensadas ao texto que está na pauta do plenário. Essa emenda foi elaborada pela manhã por deputados do PSDB, PHS, PSD e PSC, e protocolada na Secretaria-Geral da Mesa. No plenário, deputados do PT, do PDT e do PCdoB alegaram que a elaboração de uma proposta com teor muito semelhante ao texto derrubado contraria o regimento. Argumentaram ainda que, para ser votada, a emenda teria que ter sido elaborada e apensada antes da votação ocorrida durante a madrugada. Cunha rebateu os argumentos citando o artigo 191, inciso V, do regimento interno da Câmara. Conforme esse trecho, na hipótese de rejeição do substitutivo (texto apresentado pelo relator da proposta, como é o caso), “a proposição inicial será votada por último, depois das emendas que lhe tenham sido apresentadas”. Segundo o peemedebista, como o texto original ainda não havia sido votado, é permitida a apresentação de novas emendas aglutinativas com base nas propostas apensadas a essa redação. Os parlamentares continuaram a protestar e Cunha chegou a bater boca com eles. “Quando o senhor é chamado de autoritário, o senhor se chateia”, protestou o deputado Glauber Braga (PSB-RJ). Cunha rebateu: “Ninguém vai vencer aqui no berro”. “Não imagine que o senhor vai nos escravizar, porque não vai. Não imagine que todos os parlamentares vão abaixar a cabeça”, emendou Braga. O deputado Weverton Rocha (PDT-MA) acusou Cunha de “aplicar um golpe”. A deputada Erika Kokay (PT-DF) chamou o presidente da Câmara de Luiz XIV, em referência ao rei francês absolutista, e disse que ele tentava sobrepor a sua vontade a dos parlamentares. José Guimarães (PT-CE), fez um apelo para que a votação fosse suspensa e a Câmara discutisse como alternativa um projeto de lei que tramita no Senado ampliando de 3 para 10 anos o período máximo de internação de jovens infratores. Segundo ele, “uma discussão tão importante como essa” não poderia ser tratada “com tamanho radicalismo”. Guimarães argumentou ainda que a aprovação da emenda poderia trazer “sequelas”. “Reverter [a posição] de ontem para hoje é o melhor caminho? Claro que não, porque pode deixar sequelas”, disse sobre o impacto da redução. No entanto, Cunha não cedeu e continuou a sessão. Os parlamentares contrários à redução da maioridade decidiram, então, obstruir a sessão, utilizando-se de manobras previstas no regimento para postergar ao máximo a votação.

Fonte: G1

Game Challenge - O evento Giro Cultural da Tecnologia acontecerá no Recife

01 de Julho de 2015
Para abrir as férias, desenvolvedores de jogos, Gamers, Youtubers, Quadrinistas, Fãs de Tecnologia, entre outros desta plataforma, participam no Domingo, dia 12 de Julho, do 1º Evento Game Challenge. O objetivo do evento é fomentar o desenvolvimento de jogos eletrônicos e principalmente os games mobile, mercado este em forte ascensão, assim como também apresentar para o público novas tecnologias que estão ganhando visibilidade lá fora, mas que aqui no Brasil já estão sendo aplicadas. O evento de médio porte acontece na sede da escola de artes gráficas Imprima Designer (Rua Guilherme Pinto, 133, Na Rua do Restaurante Osaka, nas Graças, Recife), das 10h00 às 20h00, em uma programação de Domingo recheada de informação. E entre as atrações principais convidadas estarão palestrando os dois desenvolvedores de jogos mobile Harrison Florêncio e Miguel (da Studios of Magic). Falando sobre o crescimento deste mercado no Brasil, e sobre a criação de seu Jogo Battle of Gods: Ascension, que vem se destacando na Play Store e App Store, haverá também palestra e demonstração sobre Realidade Virtual com uso de Oculus Rift no mundo do empreendedorismo com o Game Design Alex Rodrigues e o artista 3D Everaldo Neto da Diorama Digital, será realizado público participante uma oficina sobre criação de objetos para games no Programa Sketchup com o Professor Henrique Barros, O Youtuber (Novo sucesso entre os Jovens) Sebas Marcello (PB) dará uma palestra mostrando aos jovens e curiosos sobre “Como ser um Youtuber e fazer o seu canal se tornar um Sucesso”. E ainda exposições, campeonatos de League of  Legends, Counter Strike, Mortal Kombat x, entre outras atividades para os mais antenados no universo virtual, Estaremos também com a campanha onde o ingresso do evento custa apenas R$15,00 e caso leve 1kg de alimento não perecível você paga apenas junto ao alimento R$10,00, esses alimentos serão doados ao movimento Pão Nosso de cada Noite, que leva alimento para os desabrigados que moram nas ruas do Recife. 

Serviço
Game Challenge - O evento Giro Cultural da Tecnologia
Dia: Domingo, 12 de Julho de 2015, das 10h00 às 20h00
Local: Rua Madre de Deus, s/n, Recife Antigo, Recife-PE, 50030-110 
Informações: (81) 8704-5450 ou 9736-6045 
Entrada: R$15,00 ou R$10,00 levando 1Kg de alimento não perecível
Ascom

Fonte: Blog Diniz K-9

Mega-Sena, concurso 1.718: ninguém acerta; prêmio acumula em R$ 11,5 mi

01 de Julho de 2015

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 1.718 da Mega-Sena, realizado nesta quarta-feira (1º) em Osasco-SP. Veja as dezenas sorteadas: 04 - 30 - 31 - 32 - 47 - 53. De acordo com a Caixa Econômica Federal (CEF), 49 apostas acertaram a quina, e cada uma levou o prêmio de R$ 41.257,55. Outras 3197 apostas acertaram quatro dezenas e levaram, cada uma, R$ 903,35. A expectativa de prêmio era de R$ 7.019.821,66. Como ninguém acertou a sena, o prêmio acumulou e a estimativa é que o próximo sorteio, que será realizado no sábado (04), tenha um prêmio de R$ 11.500.000,00. 

Para apostar
A Caixa Econômica Federal faz os sorteios da Mega-Sena duas vezes por semana, às quartas-feiras e aos sábados. As apostas podem ser feitas até as 19h00 (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Fonte: G1

Governo Dilma tem pior avaliação desde Sarney, mostra pesquisa

01 de Julho de 2015

A rejeição à presidente Dilma Rousseff aumentou ainda mais no fim de junho, derrubando a avaliação ótima/boa de seu governo para um dígito, arrastada pelo quadro econômico e político, no pior resultado desde o ex-presidente José Sarney no final de 1989, mostrou pesquisa CNI/Ibope divulgada nesta quarta-feira. Segundo o gerente de Pesquisa da CNI, Renato da Fonseca, as avaliações do governo e da presidente estão atreladas à percepção da população sobre o cenário econômico e ao impacto do noticiário negativo, principalmente relacionado aos desdobramentos da Operação Lava Jato. “Claramente a gente percebe, até pelas notícias, que há dois fatores negativos: o lado econômico, com aumento do desemprego, inflação ainda muito alta, o ajuste fiscal acirrando essa questão — porque a correção passa exatamente pela correção da demanda –, e o lado político, toda a questão da corrupção, toda a questão da disputa no Congresso”, explicou Fonseca. “É exatamente uma conjugação da crise política e da crise econômica que está levando a esses baixos níveis de popularidade.” A avaliação ruim/péssima foi a 68 por cento no fim de junho, ante 64 por cento em março. A pesquisa, contratada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), apontou ainda que apenas 9 por cento avaliam o governo como ótimo ou bom, ante 12 por cento três meses antes. Segundo série histórica do Ibope, a taxa positiva de Dilma repete os 9 por cento do governo Sarney em novembro de 1989. Os que avaliam o governo Dilma como regular passaram para 21 por cento, ante 23 por cento em março. Os números do novo levantamento vêm num quadro de inflação alta, fraqueza na atividade econômica e desemprego crescente. E não há perspectiva de melhora no horizonte. Segundo a pesquisa, a população está mais pessimista em relação ao restante do governo, com 61 por cento dos entrevistados prevendo que o governo será ruim/péssimo, ante 55 por cento em março. Apenas 11 por cento acreditam que o governo será ótimo/bom, contra 14 por cento apurados em março. 

Fonte: Reuters

Venda de lâmpadas incandescentes de 60w está proibida a partir de hoje

01 de Julho de 2015

A partir desta quarta-feira (1º), as lâmpadas incandescentes com potência de 60W vão sair de circulação. Agora é proibido produzir, importar e vender este tipo de lâmpada no Brasil. As multas para quem descumprir a regra variam de R$ 100 a R$ 1,5 milhão, segundo o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). O motivo da retirada do produto do mercado é sua baixa eficiência energética, já que consome muita energia para iluminar pouco. O processo de funcionamento das chamadas lâmpadas quentes exige temperaturas elevadas para gerar luz. A maior parte desse calor é perdido para o ambiente. “Somente 5% da energia gasta é usada para iluminação. O resto é usado para aquecer a lâmpada. É muita energia para pouca luz”, esclarece o professor de engenharia elétrica, Luciano Duque. Para Duque, o maior obstáculo para a troca por tecnologias mais eficientes, como as lâmpadas fluorescentes compactas ou as de LED, ainda é o preço. “É possível encontrar lâmpadas de LED a partir de 20 reais. “Se você comparar com uma incandescente de 4 reais, realmente a diferença é muito grande, mas a economia na conta de luz vale a pena”. O engenheiro Marcos Borges afirma que a previsão do Inmetro é que, com a saída das lâmpadas de 60W do mercado, e o início da produção em larga escala de lâmpadas fluorescentes e de LED, a tendência é que os preços caiam. Nos últimos anos a população tem se conscientizado sobre a questão, por causa das desvantagens da outra. “Em 2010, 70% dos lares brasileiros eram iluminados por lâmpadas incandescentes. Hoje, esse número inverteu. Agora, somente 30% das residências usam as incandescentes.” Segundo Borges, o fim do consumo de lâmpadas incandescentes nas casas brasileiras pode gerar uma economia de 4% de toda a energia elétrica usada para abastecer residências. A previsão do Inmetro é que, com a saída das lâmpadas de 60W do mercado, e o início da produção em larga escala de lâmpadas fluorescentes e de LED, a tendência é que os preços caiam. Para as famílias que não têm condições de trocar todas as lâmpadas incandescentes de uma só vez, o professor Duque tem uma dica: trocar aos poucos, de acordo com o orçamento familiar, a começar pelo cômodo da casa que fica mais tempo aceso. “A cada lâmpada trocada, a família vai ver a economia na conta de luz”. A troca de uma lampada de 60W incandescente por uma de LED com luminosidade equivalente, ligada 4h por dia, vai economizar em média 36 reais por ano na conta da luz, informou. O processo de retirada de lâmpadas incandescentes do mercado brasileiro teve início em 2010. Desde então, as lâmpadas incandescentes de 100W, 150W e 200W já foram retiradas do mercado. Com a proibição das de 60W, ficam faltando apenas as de potência entre 25W e 40W, previstas para deixarem de ser comercializadas em 30 de junho de 2016. Se comparada a tecnologias mais modernas, como as lâmpadas fluorescentes compactas e as de LED, o uso das incandescentes não se justifica, explica o professor de engenharia elétrica. Uma lâmpada incandescente de 60W, ligada 5h por dia, por 30 dias, consome em média 9kw/h. Uma fluorescente de 20w, que gera a mesma intensidade de luz, ligada pelo mesmo tempo, consome 3,6kw/h. Uma lampada de LED de 8W, também ligada por 5h por 30 dias, consome 1,2 KW/h.”, destaca. O Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel) informa que a diferença de duração das lâmpadas é grande. Segundo o Procel, as incandescentes duram em média 1000 horas, as fluorescentes 6 mil horas e as de LED duram cerca de 25 mil horas.

Fonte: Agência Brasil

Deputado Adalberto Cavalcanti vota a favor da redução da maior idade penal e diz que ouviu o povo

01 de Julho de 2015
O Deputado Federal Adalberto Cavalcanti, que votou a favor da redução da maior idade penal na sessão da Câmara Federal nessa terça-feira(30), declarou ¨que lamenta que a proposta não tenha sido aprovada¨. Para o Deputado, mesmo respeitando as diversas opiniões de setores da sociedade brasileira, algumas delas contrarias à redução da maior idade penal, ¨o que temos visto nas ruas é um clamor do povo pedindo por esta mudança. Pra gente que está diretamente conversando com as pessoas, o sentimento da grande maioria é pela redução. Vamos aguardar a nova votação, mas, a minha opinião é continuar defendendo a redução da maior idade penal, mesmo respeitando a opinião dos demais parlamentares que não comunga com a minha ideia¨.
Ascom Deputado Adalberto Cavalcanti

Fonte: Blog Diniz K-9

Comissão do Senado aprova Projeto de Revitalização da Bacia do Rio São Francisco

01 de Julho de 2015

A Comissão de Desenvolvimento Regional (CDR) do Senado aprovou nesta quarta-feira (1º) o projeto de Revitalização da Bacia do Rio São Francisco, de autoria da senadora Lídice da Mata (PSB-BA). A matéria seguirá para análise da Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA), onde vai tramitar em decisão terminativa. O senador Fernando Bezerra (PSB-PE) solicitou que após apreciação na CMA o projeto seja votado em caráter de urgência no Plenário. Segundo Lídice, o projeto – que foi relatado pelo senador Humberto Costa (PT-PE) - trata de princípios, objetivos e prioridades no processo de recuperação do rio. O estabelecimento de metas de volume útil para os reservatórios de água da bacia do rio; a construção de cisternas para captação da água da chuva; e a fiscalização de crimes ambientais ao longo da extensão do rio estão entre os temas do projeto. Lídice também quer a integração entre os órgãos ambientais que cuidam do rio e a destinação de recursos específicos para projetos de recuperação do Velho Chico. Na visão da senadora, a criação de uma lei que estabeleça normas gerais para a revitalização da bacia hidrográfica do rio São Francisco pode "contribuir significativamente para aperfeiçoar a coordenação das iniciativas de revitalização, nos níveis federal, estadual e municipal, e, com isso, lograr melhores resultados" no processo de revitalização do São Francisco.   
Ascom Senadora Lídice da Mata

Fonte: Blog Diniz K-9

Circuito de corrida arrecada três toneladas de alimentos e doa a 100 famílias ligadas à Apae de Petrolina

01 de Julho de 2015
Famílias em situação de vulnerabilidade social ligadas à unidade petrolinense da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) serão beneficiadas com três toneladas de alimentos arrecadados durante a segunda edição do Casco de Peba – corrida de aventura realizada nos dias 20 e 21 deste mês, em Petrolina. Os alimentos serão distribuídos entre 100 famílias ligadas à associação. “Para a gente foi um sonho concretizado. Temos mais de 600 alunos e 90% deles sobrevivem de programas sociais. E além das doações, ficamos muito felizes com o evento de lazer ocorrido no Sesi, levando diversão às nossas crianças e jovens. A instituição agradece profundamente“, destacou a gestora da organização, Vanda de Souza Ferreira. De acordo com o idealizador do Casco de Peba, Saulo Rosa, o evento foi considerado um sucesso. “Pulamos de menos de 100 para 280 inscritos e de todos os tipos, desde iniciantes a experientes em corridas de aventura. Recebemos apoio da Polícia Militar, do Exército, Marinha, Bombeiros e também de empresas de vanguarda, que entendem como investir no esporte é importante para a nossa sociedade”, disse. Terceira edição Segundo a gestora de marketing do evento, Aléssia Saluára, a terceira edição já está sendo desenhada. “Já visualizamos um evento ainda maior, com mais parceiros e mais solidariedade, mas com foco em desenvolver o esporte, tornando-o acessível a todos. Afinal, essa foi nossa missão“, adiantou. 
Foto: Divulgação

Fonte: Blog do Carlos Britto